Consumo

Green is the new black. EDP vai vender eletrodomésticos eficientes com descontos

Vera Pinto Pereira, Executive Board Member na EDP Energias de Portugal SA e CEO EDP Comercial, (Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)
Vera Pinto Pereira, Executive Board Member na EDP Energias de Portugal SA e CEO EDP Comercial, (Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Os equipamentos serão vendidos com descontos até 20%, sendo que parte das vendas reverte para a Liga para a Proteção da Natureza.

Há muito que a EDP Comercial deixou de ser uma mera comercializadora de eletricidade e gás natural. Apesar da quota de mercado ter vindo a cair ligeiramente já há algum tempo, a empresa mantém ainda mais de 80% dos cinco milhões de clientes que estão no mercado liberalizado de eletricidade em Portugal, o que levou a CEO, Vera Pinto Pereira, a anunciar em 2018 a estratégia de crescer nos próximos anos por via da venda de serviços adicionais, como o serviço de reparações e manutenção Funciona, planos de saúde, certificação energética, mobilidade elétrica, sistemas de armazenamento e baterias de lítio, painéis fotovoltaicos, entre outros.

A meta entre 2019 e 2021 é de “40% de penetração nos serviços adicionais” (o que equivale a cerca de 1,6 milhões de clientes, de um total de quatro milhões), com a duplicação do número de clientes também no serviço Funciona. Neste momento, são 18% os clientes da EDP que têm estes serviços contratados, o que significa que a empresa quer mais do que duplicar no espaço de três nos a venda de produtos e serviços de valor acrescentado.

Vera Pinto Pereira prometeu novidades para 2019 e, depois de terem chegado ao mercados em outubro os packs Living, a EDP Comercial junta-se agora à euforia global da Black Friday (última sexta feira do mês de novembro em que os consumidores podem adquirir diversos produtos a preços mais acessíveis), mas com um “twist“.

EDP não só vai antecipar a Black Friday uma semana (em vez de ser a 29 de novembro, será entre 22 e 25 de novembro), como lhe vai chamar Green Friday, com descontos em eletrodomésticos eficientes.

“A Green Friday é mais uma forma de promover a eficiência energética junto dos nossos clientes, um eixo decisivo na nossa estratégia. Até ao final do ano, estimamos que os nossos clientes com medidas de eficiência energética implementadas já tenham poupado até 20% nas suas faturas, graças a soluções oferecidas pela EDP Comercial”, disse ao Dinheiro Vivo Vera Pinto Pereira.

Os equipamentos que promovem a sustentabilidade ambiental e geram poupanças aos clientes serão vendidos na loja online, em edp.pt, com descontos até 20%, sendo que parte das vendas reverte para a Liga para a Proteção da Natureza, informou a EDP em comunicado

“Nesta loja, os clientes podem escolher vários tipos de equipamentos como frigoríficos, máquinas de roupa e máquinas de loiça, entre outros eletrodomésticos, com a garantia de que são dos mais eficientes do mercado, e proceder ao seu pagamento diretamente na fatura da energia em 24 mensalidades sem juros. Adicionalmente, a EDP Comercial assegura gratuitamente a instalação do novo equipamento e recolha do antigo. A EDP entrou neste segmento no início deste ano, tendo já instalado cerca de três mil eletrodomésticos nas casas dos seus clientes”, sublinhou a empresa, acrescentando: “Esta aposta já tinha sido reforçada pela empresa no mês passado, com o lançamento dos Packs Living EDP, em que o cliente encontra vários descontos e oportunidades em produtos e serviços que lhe permitem usufruir da sua energia dentro e fora de casa. Cerca de quatro milhões de consumidores confiam na EDP Comercial para ser a sua comercializadora de energia no mercado português”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa, intervém durante a cerimónia de assinatura de declaração de compromisso de parceria para Reforço Excecional dos Serviços Sociais e de Saúde e lançamento do programa PARES 3.0, no Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, em Lisboa, 19 de agosto de 2020. ANDRÉ KOSTERS/LUSA

“Na próxima semana podemos chegar aos 1000 casos por dia”, avisa Costa

Fachada da Caixa Geral de Depósitos. 
(Sarah Costa / Global Imagens)

Clientes da CGD sem acesso ao serviço Caixadirecta

App Stayaway covid

App Stayaway Covid perto do milhão de downloads. 46 infetados enviaram alertas

Green is the new black. EDP vai vender eletrodomésticos eficientes com descontos