Habitação

Há mais licenças para habitação e menos créditos concedidos

Foi concedido menos crédito às empresas do setor da construção e imobiliário e particulares. Foram também aprovadas 3400 licenças de construção.

Entre janeiro e março de 2018, as Câmaras Municipais emitiram 3400 licenças de construção nova e reabilitação de edifícios habitacionais, mais 10% em comparação com o mesmo período do ano passado, de acordo com os dados disponibilizados pela Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas (AICCOPN).

Também o licenciamento de fogos em construções novas cresceu 21,1% comparativamente com o período homólogo, para 4203 habitações.

Relativamente ao stock de crédito concedido pelas instituições financeiras às empresas do setor da construção e imobiliário registou-se, em março, uma quebra de 5,4%, em termos homólogos. De igual modo, o stock de crédito à habitação concedido pelas instituições financeiras a particulares verificou uma redução de 1,3%, totalizando 92,94 mil milhões de euros. Já no que concerne ao novo crédito concedido para aquisição de habitação assistiu-se a uma subida de 21,2%.

Quanto ao valor médio da avaliação bancária na habitação apurou-se, em março, um aumento de 5,4% em termos homólogos, fixando-se em 1.167 euros por metro quadrado. Nos apartamentos, o valor fixou-se em 1.218 euros por metro quadrado, em resultado de um acréscimo de 5,5%, em termos homólogos. Nas moradias, o valor médio de avaliação bancária aumentou 5% para 1.077 euros por metro quadrado.
O consumo de cimento no mercado nacional, no 1.º trimestre de 2018, totalizou 645 mil toneladas o que traduz uma quebra de 1,1%, face ao mesmo trimestre de 2017.

Nos Açores foram licenciados 450 fogos em construções novas no 1º trimestre de 2018, o que traduz um aumento de 2,3%, em termos homólogos. Destes, 44,9% são de tipologia T3 e 30,7% de tipologia T2. Quanto aos valores de avaliação bancária na habitação nesta região verificou-se, em março, um aumento em termos homólogos, de 7,3% para 1.053 euros por metro quadrado.

 

 

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Fotografia: direitos reservados

RGPD. Um ano depois, mercado português pede maturidade e legislação

Certificados

Famílias investiram uma média de 3,3 milhões por dia em certificados este ano

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa (C), durante a cerimónia militar do Instituto Pupilos do Exército (IPE), inserido nas comemorações do 108.º aniversário da instituição, em Lisboa, 23 de maio de 2019.  ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

Marcelo: “Quem não for votar, depois não venha dizer que se arrepende”

Outros conteúdos GMG
Há mais licenças para habitação e menos créditos concedidos