Indústria têxtil

Heimtextil 2019 decorre entre 08 e 11 de janeiro em Frankfurt

Fotografia: REUTERS
Fotografia: REUTERS

Considerada a "maior feira internacional" na área dos têxteis lar, vai decorrer em 2019, entre 08 e 11 de janeiro, em Frankfurt, na Alemanha.

A Heimtextil, considerada a “maior feira internacional” na área dos têxteis lar, vai decorrer em 2019, entre 08 e 11 de janeiro, em Frankfurt, na Alemanha, com o objetivo de “procurar caminhos para uma nova Utopia”.

Apresentada esta terça-feira em Guimarães, aquela que será a primeira grande feira do ano para o setor têxtil, pretende dar reposta ao ideal de utopia de cada um através de cinco cenários interativos: Pursue Play, Seek Santuário, Off-Grid, Escape Reality e Embrace Indulgence.

A edição de 2019, segundo explicou a diretora da Heimtextil, Meike Kern, vai responder a um “novo conceito” de organização, com mais áreas de exposição, contando mesmo com uma nova área dedicada a têxteis e acessórios para animais de estimação, “All about pets”.

“As pessoas estão dispostas a gastar fortunas por um cobertor para o seu animal”, salientou a responsável.

Quanto ao lema do evento, “Towards Utopia”, a organização explica que o evento assenta “nos novos desafios” que o século XXI apresenta, como a sustentabilidade.

“Em resposta, procuramos caminhos para uma nova utopia – uma sociedade que respeita cada pessoa e o seu ambiente, e se baseia na responsabilidade individual, ações positivas e otimismo”, explica o texto de apresentação da feira.

“Qual é a minha utopia”, é a pergunta que a Heimtexttil 2019 propõe, apresentando a resposta em cinco cenários interativos: um “cenário brincalhão” com Pursue Play, um “refúgio do ritmo agitado da vida moderna” com Seek Santuário, desligar-se da ‘web’ com Off-Grid, “escapar para um universo digital” com Escape Reality e “repensar a sua atitude” com Embrace Indulgence.

A Heimtextil irá contar com a presença de mais de 2.500 expositores internacionais, apontando os números da organização para um total de visitas superior a 65 mil, com destaque para visitantes da Alemanha, China, Espanha, Reino Unido, EUA, Turquia, França e Índia.

Na edição de 2018, Portugal contou com a presença de 83 empresas, tendo sido mesmo “o principal fornecedor europeu”.

A “forte presença” portuguesa no evento representou um investimento superior a 2,5 milhões de euros por parte das empresas, que ocuparam uma “área recorde” de 5.755 metros quadrados de exposição naquela que é considerada “a mais importante feira internacional de têxteis para o lar e hotelaria”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Visita de Angela Merkel à Bosch, em Braga. A chanceler alemã foi
acompanhada pelo primeiro-ministro, António Costa.
Fotografia: Artur Machado/ Global Imagens

O país aguenta uma nova crise? Agências de rating divididas

Lisboa, 19/7/2019 - Eduardo Marques, Presidente da AEPSA- Associação das Empresas Portuguesas para o Sector do Ambiente-  uma associação empresarial, criada em 1994, que representa e defende os interesses coletivos das empresas privadas com intervenção no setor do ambiente,
(Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Eduardo Marques. “Há um grande espaço para aumentar as tarifas da água”

Fotografia: Gleb Garanich/ Reuters.

Greve: Ryanair diz que não houve cancelamento de voos esta manhã

Outros conteúdos GMG
Heimtextil 2019 decorre entre 08 e 11 de janeiro em Frankfurt