Ibersol com prejuízos de 33,4 milhões no primeiro semestre

A Ibersol registou um volume de negócios de 133,6 milhões de euros no primeiro semestre, uma quebra de 39,6% face ao mesmo período de 2019.

A Ibersol, empresa que representa em Portugal marcas como a KFC, totalizou 33,4 milhões de euros de prejuízo no primeiro semestre, valor que compara com um resultado líquido de 600 mil euros registado no período homólogo.

“O resultado líquido consolidado no final do primeiro semestre atingiu o valor de –33,4 milhões de euros, que compara com o registado em 2019 no montante de 0,6 milhões de euros”, lê-se no comunicado da empresa enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

No documento, a empresa indicou que o período de confinamento, que decorreu até meados de maio, e durante o qual permaneceram encerrados 73% dos restaurantes do grupo, “penalizou severamente o semestre, não tendo sido possível, neste período, ajustar as rubricas de custo à redução de vendas, o que conduziu inevitavelmente a aumentos do peso das mesmas e inerente perda de rentabilidade”.

Nos primeiros seis meses do ano, o volume de negócios da Ibersol desceu 39,6%, face ao mesmo período de 2019, para 133,6 milhões de euros.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de