Inflação

Inflação homóloga acelera para 1,6% em julho, segundo estimativa do INE

O Índice de Preços no Consumidor subiu 1,6% em julho face ao mesmo mês de 2017, contra uma variação de 1,5% em junho.

O Índice de Preços no Consumidor subiu 1,6% em julho face ao mesmo mês de 2017, contra uma variação de 1,5% em junho, segundo uma estimativa do Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgada esta terça-feira.

Em relação à variação homóloga estimada do indicador de inflação subjacente (índice total excluindo produtos alimentares não transformados e energéticos) o INE refere que esta é de 1,0% em julho, o mesmo valor observado em junho.

O INE também anunciou que o índice relativo aos produtos energéticos terá acelerado, estimando-se uma taxa de variação homóloga de 7,8% em julho.

A variação mensal estimada do IPC é -0,6% em julho, depois de em junho, o valor apurado ter sido de 0,1% e em julho de 2017 -0,7%, e a variação média dos últimos doze meses foi de 1,1%, o mesmo valor registado no mês precedente.

Em relação ao Índice Harmonizado de Preços no Consumidor (IHPC) português, a estimativa do INE aponta para uma variação homóloga de 2,2%, contra um valor observado em junho, de 2,0%.

Os dados definitivos referentes ao IPC do mês de julho serão publicados no próximo dia 10 de agosto.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Facebook's founder and CEO Mark Zuckerberg reacts as he speaks at the Viva Tech start-up and technology summit in Paris, France, May 24, 2018. REUTERS/Charles Platiau - RC11ABE16B10

Abusos nos dados privados pode custar ao Facebook entre 3 a 5 mil milhões

Foto: Global Imagens

Jovens licenciados portugueses com maior probabilidade de terem salários baixos

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa,  intervem durante a sessão solene comemorativa dos 45 anos da Revolução de 25 de Abril na Assembleia da República em Lisboa, 25 de abril de 2019. ANTÓNIO COTRIM/LUSA

Presidente da República pede “mais ambição” para resolver problemas

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Inflação homóloga acelera para 1,6% em julho, segundo estimativa do INE