empreendedorismo

Inov Contact à conquista dos prémios europeus de promoção empresarial

Inov Contacto, o programa de estágios internacionais para jovens, da AICEP é candidato aos prémio europeus de promoção empresarial de 2019
Inov Contacto, o programa de estágios internacionais para jovens, da AICEP é candidato aos prémio europeus de promoção empresarial de 2019

O programa de estágios da AICEP concorre com uma aceleradora de start-ups cipriota, a Idea Innovation Centre & Incubator, e os italianos da FactorYmpresa Turismo, um programa de aceleração de negócios para aspirantes a empreendedores turísticos. A campanha internacional Portuguese Jewellery Newborn, da Associação da Ourivesaria e Joalharia de Portugal (AORP) aspira ainda à conquista de uma menção honrosa.

O Inov Contacto, o programa de estágios internacionais para jovens quadros da responsabilidade da AICEP, é o representante português nos Prémios Europeus de Promoção Empresarial (EEPA, em inglês), cujos vencedores são esta terça-feira conhecidos na Assembleia das PME que decorre na capital da Finlândia, em Helsínquia, até quarta-feira.

O Inov Contacto, que já levou quase seis mil jovens portugueses a estagiar em cerca de 1300 entidades, em mais de 80 países, é finalista na categoria ‘Investimento nas Competências Empreendedoras’ a par com a Idea Innovation Centre & Incubator, aceleradora de start-ups do Chipre, e da FactorYmpresa Turismo, programa italiano de aceleração de negócio para aspirantes a empreendedores turísticos. E concurso estão 18 projetos, a short-list selecionada pelo júri europeu de entre as 260 candidaturas apresentadas.

São seis as categorias – ‘Promoção do Espírito Empreendedor’, ‘Investimento das Competências Empreendedoras’, ‘Desenvolvimento do Ambiente Empresarial’, ‘Apoio ao Desenvolvimento de Mercados Ecológicos e à Eficiência de Recursos’, ‘Empreendedorismo Responsável e Inclusivo’ e ‘Apoio à Internacionalização das Empresas’ – distinguidas nestes prémios europeus em que Portugal é recordista de candidaturas, com 383 projetos submetidos desde a sua criação, em 2013. Mas, no total, e incluindo as fases finais nacionais, Portugal regista 677 projetos candidatados, dos quais 169 foram distinguidos dentro de portas pelo IAPMEI, o parceiro da Comissão Europeia nesta iniciativa. E Portugal arrecadou já oito destes prémios, com iniciativas como os Douro Boys, Empresa na Hora, Lisboa Empreende, Portuguese Shoes – A indústria mais sexy da Europa e Living Lab Carbono Zero, entre outras.

Este ano, a expectativa é de que o Inov Contacto seja mais um nesta lista de premiados, mas, não só. O projeto Portuguese Jewellery Newborn, desenvolvido pela Associação de Ourivesaria e Relojoaria de Portugal (AORP) em parceria com o COMPETE 2020, e que pretende “promover os novos talentos da joalharia nacional e ajudar à reinvenção de um setor tradicional sob o chapéu de uma marca de promoção única, representativa da criatividade e do trabalho dos novos designers nacionais”, foi o vencedor nacional na categoria de ‘Apoio à Internacionalização das Empresas’ e, embora não esteja entre os selecionados pelo júri para a short list final, pode, ainda, ser distinguido com uma menção honrosa.

O Inov Contacto, que vai já na sua 23ª edição, nasceu com o objetivo de “apoiar a qualificação internacional de jovens profissionais em áreas-chave do conhecimento, proporcionando-lhes habilidades efetivas no campo da inovação, a fim de estimular e reforçar a competitividade corporativa, bem como a imagem internacional de Portugal”. Envolveu já mais de 5.600 jovens e 1.235 entidades de 82 países diferentes, resultando em mais de 1.500 ofertas de emprego aos participantes. Os estágios decorrem em qualquer parte do mundo, durante seis a nove meses, permitindo aos jovens o desenvolvimento das suas competências no mercado internacional, destaca o IAPMEI, dando conta que, em 2008, a iniciativa da AICEP, foi apontada pela OCDE como um case study com recomendação de replicação para a Welsh Assembly Government, entre outras distinções.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Vista aérea da Praça dos Restauradores em Lisboa, Portugal, 24 Março de 2020. ANTÓNIO COTRIM/LUSA

A economia entrou em estado de quarentena

Lisboa, 10/05/2019 - Vida do Dinheiro (DN-TSF) - Isabel Furtado, presidente da Cotec e da TMG.
Isabel Furtado
(Gerardo Santos / Global Imagens)

Covid-19: “Medidas têm de ser estratégicas e não apenas imediatas e impulsivas”

Ursula  von der Leyen, presidente da Comissão Europeia. Fotografia: Kenzo Tribouillard/AFP

Comissão Europeia vai rever proposta de orçamento da UE

Inov Contact à conquista dos prémios europeus de promoção empresarial