Aeronaútica

Investimento de 33 milhões no setor aeronáutico em Grândola

(TIAGO PETINGA/LUSA)
(TIAGO PETINGA/LUSA)

O apoio do programa da UE "vai contribuir para a implementação de uma nova unidade do setor aeronáutico em Grândola", no distrito de Setúbal.

O Ministério do Planeamento anunciou esta quinta-feira ter homologado o apoio de fundos comunitários ao investimento de 33 milhões de euros da empresa Lauak, do setor da aeronáutica, em Grândola, no litoral alentejano.

Em comunicado, o Ministério refere que o apoio do programa operacional Compete 2020 “vai contribuir para a implementação de uma nova unidade do setor aeronáutico em Grândola”, no distrito de Setúbal.

Segundo o governo, o cofinanciamento de 7,9 milhões de euros do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional vai “apoiar a criação de 274 novos postos de trabalho, cerca de 70 dos quais altamente qualificados”, e possibilitar exportações no valor anual de 30 milhões de euros.

A Lauak vai produzir em Grândola peças com processos tecnológicos avançados, nomeadamente para o fabrico do Airbus A320.

“A economia alentejana reforça, assim, a sua presença num ‘cluster’ industrial com elevado valor acrescentado, alargando os seus atuais polos geográficos de Évora e Ponte de Sor a novas localizações no território alentejano”, lê-se no comunicado do Ministério do Planeamento.

De acordo com o executivo, o projeto em Grândola, negociado ao abrigo do regime contratual com a AICEP, “soma-se ao lote de 150 milhões de euros de outros investimentos empresariais a realizar no Alentejo aprovados no último concurso geral do SI Inovação”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
João Lousada no deserto de Omã como astronauta análogo, em 2018

João Lousada. Conheça o primeiro português a liderar a Estação Espacial

João Lousada no deserto de Omã como astronauta análogo, em 2018

João Lousada. Conheça o primeiro português a liderar a Estação Espacial

Fotografia: REUTERS/Henry Nicholls - RC122C9DD810

Cartas de Boris Johnson causam surpresa e perplexidade em Bruxelas

Outros conteúdos GMG
Investimento de 33 milhões no setor aeronáutico em Grândola