Impostos

IRS: mais de 40% dos contribuintes já entregaram a declaração

Fotografia: DR
Fotografia: DR

A entrega do IRS arrancou há 20 dias e só termina no final de maio, mas quase metade dos contribuintes já arrumaram as contas anuais com o fisco.

O Portal da Autoridade Tributária e Aduaneira já recebeu 2,2 milhões de declarações de IRS o que corresponde a cerca de 44% das declarações entregues no ano passado. Estes dados sugerem que, este ano, os contribuintes estão a tratar desta obrigação declarativa com maior antecedência do que em anos anteriores.

De acordo com os dados da AT, até ao início desta sexta-feira tinham submetido a sua declaração de rendimentos 1,72 milhões de agregados que em 2016 apenas tiveram rendimentos das categorias A e H (trabalho dependente e de pensões). A estes somam-se mais 474 mil declarações de pessoas com rendimentos de outras categorias – e que antes tinham de esperar pela 2ªa fase.

No ano passado, a AT recebeu um total de 5,1 milhões de declarações divididas por duas fases. Este ano, pela primeira vez, foi criado um prazo único de entrega para todos os contribuintes e quase meio milhão da antiga 2ª fase já aproveitou esta antecipação de datas.

Esta situação e a facilidade e celeridade no processo de entrega associado ao IRS automático (em que as contas ficam arrumadas em menos de meia dúzia de cliques) explicam a maior rapidez com que os contribuintes estão este ano a tratar da sua declaração anual de rendimentos.

Proceder a esta entrega mais cedo é também sinónimo de ver o reembolso chegar mais cedo à conta bancária. O prazo para esta devolução de dinheiro é ainda mais rápido no caso das declarações automática. Os últimos dados disponibilizados pelo Ministério das Finanças, no início desta semana, indicavam ter já sido processado o pagamento de 130 mil reembolsos, cujo valor global ascende a 81 milhões de euros.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Estado leva endividamento da economia para novo máximo

Fotografia: Global Imagens

Turismo rende a Portugal 1,4 milhões de euros por hora

Portugueses têm menos dinheiro

Proibidos pagamentos em dinheiro acima de 3.000 euros

Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
IRS: mais de 40% dos contribuintes já entregaram a declaração