Bruxelas

Jovem e com futuro? A UE financia

Manifestação junta milhares no Porto
Manifestação junta milhares no Porto

A Comissão Europeia vai lançar a iniciativa “Oportunidades para a Juventude” em que apela aos estados-membros em trabalhar na prevenção do abandono precoce da escola; em ajudar os jovens em desenvolver qualificações necessárias para o mercado laboral; em assegurar experiência de trabalho e formação no local de trabalho e em ajudar os jovens para encontrar o primeiro trabalho.

Conheça as 8 medidas da iniciativa “Oportunidades para a Juventude”

Formação:

– 4 milhões de euros para ajudar os Estados-Membros a criar mecanismos de garantia destinados aos jovens, para assegurar a integração no mercado de trabalho, num programa educativo ou formativo nos quatro meses após a saída da escola;

– a atribuição de 1,3 milhões de euros para apoiar a criação de estágios através do Fundo Social Europeu. O aumento em 10 % até ao final de 2013 deverá garantir a organização de 370 000 novos estágios;

Empreendedorismo:

– 3 milhões de euros da verba para assistência técnica do Fundo Social Europeu para ajudar os Estados-Membros a introduzir mecanismos de apoio para os jovens empresários e empresários sociais;

Estrangeiro:

– a canalização dos fundos tanto quanto possível para a colocação em empresas, com o objectivo de garantir 130 000 colocações em 2012 no âmbito das iniciativas Erasmus e Leonardo da Vinci;

– a prestação de assistência financeira em 2012 a 5 000 jovens para a obtenção de emprego noutro Estado-Membro, através da iniciativa «O Teu Primeiro Emprego EURES»;

– a realização de cerca de 600 novos intercâmbios através da iniciativa Erasmus para empresários em 2012.

Voluntariado:

– o reforço da dotação orçamental destinada ao Serviço Voluntário Europeu, com vista a assegurar pelo menos10 000 oportunidades de voluntariado em 2012;

Estágios:

– a apresentação, em 2012, de um quadro para garantir estágios de elevada qualidade na UE;

A Comissão Europeia espera que estas acções “facilitem” o desenvolvimento pelos Estados‑Membros de novas medidas a “favor da juventude”, no âmbito da próxima geração de programas do Fundo Social Europeu e do orçamento da UE para 2014-2020.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O ensino profissional é uma das áreas em que Portugal se posiciona pior na tabela do IMD World Talent Ranking 2019. Fotografia: Miguel Pereira/Global Imagens

Portugal é 23º no ranking mundial de talento. Caiu seis posições

O ensino profissional é uma das áreas em que Portugal se posiciona pior na tabela do IMD World Talent Ranking 2019. Fotografia: Miguel Pereira/Global Imagens

Portugal é 23º no ranking mundial de talento. Caiu seis posições

Foto: D.R.

TAP soma prejuízos de 111 milhões até setembro. E vai contratar mais 800 pessoas

Outros conteúdos GMG
Jovem e com futuro? A UE financia