Empresas

Lay off cresce: 258 empresas cortaram horários em fevereiro

Lay off aumentou em fevereiro
Lay off aumentou em fevereiro

Um total de 258 empresas em Portugal estavam em situação de lay off em fevereiro, um aumento face às 233 entidades nessa situação em janeiro, indicam dados hoje divulgados.

De acordo com os últimos dados disponibilizados na página da Segurança Social (www.seg-social.pt), em fevereiro de 2012, um ano antes, havia 160 empresas na referida situação.

O ‘lay off’ numa empresa refere-se à redução de horário e à suspensão de contrato de trabalho.

De acordo com os dados da Segurança Social, existiam em fevereiro 1.542 trabalhadores com redução de horário de trabalho e 1.597 em regime de suspensão de contrato, de entre os quadros das 258 empresas em lay off.

(Em atualização)

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa. JOÃO RELVAS/POOL/LUSA

Governo cria complemento salarial até 350 euros para trabalhadores em lay-off

O primeiro ministro, António Costa, fala aos jornalistas durante a conferência de imprensa, 04 junho 2020, realizada no final da reunião do Conselho de Ministros, no Palácio da Ajuda, em Lisboa.     MANUEL DE ALMEIDA / POOL/LUSA

Banco de Fomento para Portugal com “aprovação provisória”

O primeiro ministro, António Costa, fala aos jornalistas durante a conferência de imprensa realizada no final da reunião do Conselho de Ministros, no Palácio da Ajuda,  em Lisboa, 29 de maio de 2020. O Governo decidiu adiar a passagem para a terceira fase de desconfinamento na Área Metropolitana de Lisboa e criou regras especiais, sobretudo em atividades que envolvem “grande aglomerações de pessoas”.  MANUEL DE ALMEIDA/POOL/LUSA

Trabalhadores em lay-off passam a receber entre 77% e 92% do salário

Lay off cresce: 258 empresas cortaram horários em fevereiro