Dinheiro Vivo TV

Live. Startup portuguesa ganha terreno na impressão 3D

A carregar player...

A Blocks quis simplificar a impressão 3D em Portugal. As mini-impressoras são acessíveis, fáceis de montar e chegam às lojas no final deste ano.

Duarte Vasconcelos, Alexandre Guerreiro e Tiago Rocha, criaram a startup portuguesa Blocks em janeiro de 2015, em Lisboa, com a vontade de melhorar a experiência com a impressão 3D.

Com um capital inicial de 600 euros.

Começaram a dar os primeiros passos no Mercado de São Domingos de Benfica e três anos depois estão a mudar-se para as instalações do grupo português Digidelta, com quem fecharam um investimento de 350 mil euros em novembro do ano passado.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O antigo secretário de Estado da Energia e da Inovação, Henrique Gomes, fala perante a Comissão Parlamentar de Inquérito ao Pagamento de Rendas Excessivas aos Produtores de Eletricidade, na Assembleia da República em Lisboa, 23 de janeiro de 2019. TIAGO PETINGA/LUSA

Henrique Gomes disse que “Mexia é osso duro de roer” e teve de sair da REN

A área alimentar gerou vendas históricas de quatro mil milhões de euros. Fotografia: D.R.

Sonae atinge vendas recorde de 6,3 mil milhões com impulso do Natal

António Costa, primeiro-ministro, e Mário Centeno, ministro das Finanças, num debate parlamentar sobre o OE2019. Fotografia: REUTERS/Rafael Marchante

Universidade Católica prevê menos crescimento em 2018 e 2019

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Live. Startup portuguesa ganha terreno na impressão 3D