Louça desafia Pingo Doce a fazer descontos nos produtos onde tem mais lucros

O coordenador do Bloco de Esquerda (BE), Francisco Louça, desafiou hoje o
presidente da Jerónimo Martins, Alexandre Soares dos Santos, a fazer
descontos de 50% nos produtos em que o Pingo Doce “tem
margens de lucro de 80 e 75%”.

“Quero deixar um desafio ao senhor Soares dos Santos: se ele quer ser
levado a sério pelas pessoas que sabem quanto lhes custa pagar aquilo
que é essencial para a alimentação dos seus filhos e dos seus, pois
então que faça um desconto de 50% em todos aqueles produtos em que já
sabemos que ele tem margens de lucro de 80 ou de 75%”, disse no final de uma reunião da Mesa Nacional do partido.

O líder bloquista defendeu que é preciso acabar com “margens de 75 e 80%” que permitiram “fazer demagogia com promoções por um dia”: “Nesses bens, onde a margem é tão grande, então ele que faça 365 dias por ano esse desconto de 50% com o qual está tão confortável para pessoas que vivem com tantas dificuldades”.

Louçã revelou depois que, na sequência
desta campanha do Pingo Doce, o BE vai reapresentar na Assembleia da República uma
proposta para “fixar margens, regras e contratos entre os distribuidores e produtores e para proteger produtos essenciais”. “Tem de deixar de existir esta ditadura da grande distribuição”, defendeu.

“Deve haver contratos escritos entre os produtores e distribuidores, esses contratos devem ter prazos, margens, cláusulas definidas, devem ser públicos, porque não pode ser um contrato onde a distribuidora ganha e os produtores obedecem, em que uns ganham e outros não recebem”, advogou.

O deputado e fundador do BE disse ainda que estes contratos devem ser “escritos, públicos, verificáveis” para proteger “a produção e garantir ao consumidor o melhor acesso possível aos produtos da melhor qualidade, aos preços mais justos e mais sérios para todos”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
REUTERS/Stephen Lam

A ironia de Wall Street: Apple dispara com quebra nas vendas e lucros

António Costa, primeiro-ministro. Fotografia: FERNANDO VELUDO/LUSA

Sanções. Autarcas do PS contra medidas “absurdas, ilógicas e contraproducentes”

Foto: Boom Festival

Boom Festival distinguido pela Rolling Stone

Euronext Lisboa. Fotografia: Global Imagens

Euronext compra participação em tecnológica

Unlimited Future, da Nike

Nike. 20 milhões já viram este discurso motivacional. E você?

Fotografia: REUTERS/Issei Kato

Pedro venceu mais de 500 adversários para aprender a ser CEO por um mês

Conteúdo Patrocinado
Louça desafia Pingo Doce a fazer descontos nos produtos onde tem mais lucros