Noruega

Lucro do Fundo de Petróleo da Noruega com pior resultado em quatro anos

O Fundo de Pensões Global do Estado norueguês lucrou 334.000 milhões de coroas (35.521 milhões de euros) em 2015, o pior resultado em quatro anos.

O Fundo de Pensões Global do Estado norueguês, que investe as receitas do gás e do petróleo no estrangeiro, lucrou 334.000 milhões de coroas (35.521 milhões de euros) em 2015, o pior resultado em quatro anos.

Os investimentos do fundo, que são geridos pelo banco público Norges Bank Investment Management (NBIM), tiveram um rendimento médio de 2,7%, abaixo dos 7,6% registados em 2014 e dos dois dígitos dos dois anos anteriores, ma acima da queda de 2,5% verificada em 2011.

O ano de “2015 foi um ano volátil, com taxas negativas, crise de divisas, preço do petróleo em queda e expetativas de crescimento débeis para os mercados emergentes. Houve flutuações nos lucros trimestrais, mas o ano acabou por ser positivo”, refere em comunicado o presidente-executivo do NBIM, Yngve Slyngstad.

O investimento em ações, a principal aplicação financeira, permitiu obter um rendimento de 3,8%, contra 0,3% no caso das obrigações e 10% no imobiliário.

Considerado o maior fundo soberano estatal do mundo, tinha a 31 de dezembro um valor de mercado de 7,48 biliões de coronas noruegas (795.000 milhões de euros), mais 16% que em 2014.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Dívida pública está nos 130,3%

Endividamento da economia atinge novo recorde em abril

O ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, José Vieira da Silva, fala perante a Comissão de Trabalho e Segurança Social, na Assembleia da República, em Lisboa, 26 de junho de 2019. TIAGO PETINGA/LUSA

Mais 93 mil novas pensões atribuídas até julho

Luís Lima, APEMIP

Imobiliárias temem fuga de clientes com nova lei de combate ao branqueamento

Outros conteúdos GMG
Lucro do Fundo de Petróleo da Noruega com pior resultado em quatro anos