União Europeia

Macron reúne-se segunda-feira em Paris com Ursula von der Leyen

Emmanuel Macron, Presidente de França. Fotografia: REUTERS/Ian Langsdon/Pool
Emmanuel Macron, Presidente de França. Fotografia: REUTERS/Ian Langsdon/Pool

O Presidente francês Emmanuel Macron reúne-se segunda-feira de manhã em Paris com a presidente da Comissão Europeia (CE) indigitada, Ursula von der Leyen, anunciou hoje a Presidência francesa.

A reunião ocorrerá quatro dias depois de os eurodeputados rejeitarem a francesa Sylvie Goulard para o cargo de comissária europeia.

Esta “reunião de trabalho”, marcada para o Palácio do Eliseu às 11:00 locais (10:00 em Lisboa), “vai concentrar-se no estabelecimento da nova Comissão Europeia e na implementação do programa político apresentado por Ursula von der Leyen em julho”, indicou a Presidência francesa na nota enviada à imprensa.

A reunião faz parte de uma intensa agenda diplomática de Emmanuel Macron, que deverá jantar hoje à noite no Eliseu com a chanceler alemã, Angela Merkel, e almoçar na segunda-feira às 13:00 locais com o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk.

Macron também se encontrará com Ursula von der Leyen e Angela Merkel na quarta-feira para um jantar com líderes empresariais em Toulouse, no sudoeste da França, onde um conselho franco-alemão de ministros será realizado durante o dia.

Essas reuniões precedem uma cimeira europeia crucial sobre a questão do ‘Brexit’, que decorrem na próxima quinta e sexta-feira, em Bruxelas.

Emmanuel Macron também deve continuar as suas consultas, nos próximos dias, antes de propor um novo candidato francês para comissário europeu.

O Parlamento Europeu rejeitou na semana passada a nomeação de Sylvie Goulard como comissária europeia do Mercado Interno no futuro executivo de Ursula Von der Leyen.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
lisboa casas turismo salarios portugal

Taxa de juro do crédito à habitação cai para 1%

Lisboa, 18/02/2020 - Plenário da Assembleia da República - Debate quinzenal com o primeiro ministro.
Primeiro Ministro António Costa com os restantes ministros que compõem o governo.
Jerónimo de Sousa - PCP
(Leonardo Negrão / Global Imagens)

Jerónimo avisa Costa que “sem aumentos salariais” os “problemas vão aumentar”

O ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos (C), acompanhado pelo ministro de Estado e das Finanças, Mário Centeno e pelo presidente da CP, Nuno Freitas (E), na assinatura do contrato de serviço público entre o Estado e a CP, na Estação do Rossio, em Lisboa, 28 de novembro de 2019. JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

CP escapa a multas por atraso no contrato de serviço público

Macron reúne-se segunda-feira em Paris com Ursula von der Leyen