Emprego

Mais de 544 mil pessoas respondem a anúncios de emprego no OLX

laptop-820274_1920

Restauração, hotelaria e turismo são os setores que registaram maior procura no portal de anúncio classificados.

Durante o primeiro trimestre de 2019, 544.522 pessoas responderam a anúncios de emprego no OLX, um crescimento de 39% face ao período homólogo do ano passado. Os números são de um estudo divulgado pelo portal de anúncios classificados, baseado nos dados disponíveis na plataforma.

No mesmo período, a média de novos anúncios passou de 5.509 em 2018 para 7.600 em 2019. Para Andreia Pacheco, brand manager do OLX Portugal, o crescimento destes indicadores revelam que “o OLX é uma plataforma cada vez mais útil em diferentes momentos da vida das pessoas e este é um excelente exemplo disso mesmo”.

Relativamente aos novos anúncios, a maioria (43%) são colocados na região de Lisboa, seguindo-se o Porto (22%) e Setúbal (13%). Faro e Braga completam o top 5. Em Lisboa foram realizados 907.204 contactos por parte daqueles que procuram emprego, no Porto, o valor desce para os 353.445.

Os empregos com mais procura enquadram-se nos setores da restauração, hotelaria e turismo; limpezas; e construção civil. Em abril, o Dinheiro Vivo noticiou que, nos últimos anos, o turismo criou entre 30 a 40 mil novos postos de trabalho. A escalada de criação de emprego no setor tem acompanhado o boom turístico que o país regista desde 2013.

Os setores que apresentam mais anúncios na plataforma são comercial; restauração, hotelaria e turismo; construção civil; saúde e beleza; e limpezas.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Mário Vaz, CEO da Vodafone Portugal  Fotografia: Orlando Almeida / Global Imagens

Mário Vaz. “Havendo frequências, em julho teríamos cidades 5G”

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa (C), durante a cerimónia militar do Instituto Pupilos do Exército (IPE), inserido nas comemorações do 108.º aniversário da instituição, em Lisboa, 23 de maio de 2019.  ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

Marcelo: “Quem não for votar, depois não venha dizer que se arrepende”

Certificados

Famílias investiram uma média de 3,3 milhões por dia em certificados este ano

Outros conteúdos GMG
Mais de 544 mil pessoas respondem a anúncios de emprego no OLX