Transportes Sul do Tejo, Boa Viagem e Mafrense reforçam oferta de transportes

A oferta de transportes rodoviários na Transportes Sul do Tejo, na Boa viagem e na Mafrense vai ser reforçada a partir da próxima segunda-feira.

A oferta de transportes rodoviários na Transportes Sul do Tejo, na Boa viagem e na Mafrense vai ser reforçada na sequência da retoma progressiva das atividades e o previsível aumento da procura, informou a Área Metropolitana de Lisboa (AML).

Em comunicado, a AML adianta que os Transportes Sul do Tejo (TST) vão repor, a partir de segunda-feira, dia 18 de maio, sete carreiras para Lisboa, com destino à Praça do Areeiro, à Praça do Marquês de Pombal e à Cidade Universitária.

“Encontram-se neste lote as carreiras 151 (Charneca de Caparica – Lisboa/Marquês de Pombal), 155 (Costa de Caparica – Lisboa/Marquês de Pombal), 160 (Almada – Lisboa/Praça do Areeiro), 161 (Costa de Caparica – Lisboa/Praça do Areeiro), 169 (Lisboa/Marquês de Pombal - Santa Marta do Pinhal), 176 (Almada – Lisboa/Cidade Universitária) e 190 (Charneca de Caparica – Lisboa/Praça Areeiro)”, indica a AML.

Desde a passada segunda-feira que a operadora tinha reforçado os horários nas carreiras 108, 182, 195, 201, 222, 230, 317, 403, 410, 412, 415, 601, 709 e 751, e feito ajustes nos horários da 184, 227, 401 e 416.

Na mesma data foram também ativadas as carreiras 616 e 756, e foram reforçados os horário e extensão de percurso das carreiras 203 e 783.

A empresa Barraqueiro (marcas Boa Viagem e Mafrense), por sua vez, reativou, desde quarta-feira, 10 carreiras e reforçou outras seis.

“Foram reativadas as carreiras 3 (Alenquer – Alverca), 18, (Cadafais - Vila Franca de Xira), 43 (Lisboa/Campo Grande - Sobral Monte Agraço), 49 (Vila Franca de Xira/estação - Vila Franca de Xira/hospital), 50 (Torres Vedras - Vila Franca de Xira), 87 (Lisboa - Sobral de Monte Agraço), 209 (Ericeira – Lisboa/Campo Grande), 229 (Mafra - Quinta das Pevides), 255 (Montelavar - Sintra) e 256 (Montelavar – Sintra)”, descreve a AML.

De acordo com a nota, foi também reforçada a oferta em seis carreiras: 1 (Alenquer - Vila Franca de Xira), 19 (Cadafais - Vila Franca de Xira), 40 (Póvoa de Santa Iria - Vila Franca de Xira), 91 (Vila Franca de Xira/estação - Vila Franca de Xira/Hospital), 220 (Mafra -Sintra) e 221 (Mafra - Torres Vedras).

No comunicado, a AML, na qualidade de autoridade de transportes, diz que “procurou implementar soluções que minimizassem os impactos nas necessidades de deslocações” durante o período de emergência de saúde pública provocada pela pandemia de covid-19.

“Apesar da redução significativa de passageiros e de receita do sistema, e tendo em conta o enquadramento legislativo entretanto produzido pelo Governo, a Área Metropolitana de Lisboa cumpriu e adiantou os pagamentos aos operadores, procurando, deste modo, que, mesmo no mês de abril, fosse assegurada uma oferta de serviço dos transportes rodoviários de pelo menos 40%, face à que era normalmente realizada”, é referido.

A AML diz ainda que com a retoma progressiva das atividades, e o previsível aumento da procura, a oferta está a ser gradualmente ajustada e será alvo de mais reforços ao longo das próximas semanas.

É também lembrada a necessidade de cumprimento das regras e padrões de segurança e de boas práticas estabelecidas durante este período, como a utilização de máscara, limites de lotação dos veículos e determinações adicionais de limpeza, higienização e arejamento dos autocarros.

A AML indica que foram também tomadas medidas de sensibilização e proteção dos motoristas, apelando à compra antecipada dos títulos de transporte e à minimização da permanência de passageiros na sua zona de trabalho.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de