Novo Governo

Novo executivo de Costa é o que tem mais governantes desde 1976

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, conversa com o primeiro-ministro indigitado, António Costa, durante uma audiência para apresentação da lista de nomes propostos para secretários de Estado do XXII Governo Constitucional, no Palácio de Belém, em Lisboa, 21 de outubro de 2019. RODRIGO ANTUNES/LUSA
O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, conversa com o primeiro-ministro indigitado, António Costa, durante uma audiência para apresentação da lista de nomes propostos para secretários de Estado do XXII Governo Constitucional, no Palácio de Belém, em Lisboa, 21 de outubro de 2019. RODRIGO ANTUNES/LUSA

Segundo executivo de António Costa vai integrar 19 ministros, além do primeiro-ministro, e 50 secretários de Estado.

O futuro executivo liderado pelo socialista António Costa será o que tem o maior número de governantes desde 1976, 70 no total, entre primeiro-ministro, 19 ministros e 50 secretários de Estado.

De acordo com o arquivo da página oficial do Governo, o executivo que até agora tinha tido mais elementos na sua primeira composição foi o XII, o último liderado pelo social-democrata Aníbal Cavaco Silva (1991-1995), 67 no total.

Com a tomada de posse de 05 de novembro de 1991, esse governo ficou composto pelo primeiro-ministro, 16 ministros, 45 secretários de Estado e cinco subsecretários.

Conforme foi anunciado na semana passada, o segundo executivo liderado por António Costa vai integrar 19 ministros, além do primeiro-ministro, o que o torna o maior em ministérios dos 21 Governos Constitucionais.

No caso das secretarias de Estado, com a exceção do XII Governo que também tinha 50 secretários ou subsecretários de Estado, mas menos ministros, o executivo de Costa continua a ser o mais numeroso.

Dos Governos Constitucionais, os que tiveram mais secretarias de Estado foram o VIII, liderado por Francisco Pinto Balsemão, com 46, o I, chefiado por Mário Soares, com 45, o XIV, de António Guterres, com 42, assim como o executivo cessante de António Costa, com 41 secretários de Estado e ainda o VII, também de Balsemão, com 40.

O único executivo que na sua primeira composição desceu da barreira das três dezenas de secretarias de Estado foi o V, com 29, e teve a liderança inédita de uma mulher, Maria de Lurdes Pintasilgo.

Com 32 secretarias de Estado no elenco original há três governos a destacar: o II, liderado por Mário Soares, o III, encabeçado por Nobre da Costa e o X, a estreia de Cavaco Silva.

Todos os restantes Governos constitucionais desde 1976 tiveram entre 34 e 39 elementos nas secretarias de Estado.

O executivo cessante de António Costa, o XXI Governo Constitucional, tem, desde a última alteração, 17 ministros e 43 secretários de Estado, num total de 61 governantes, menos nove do que a futura equipa governamental já aceite pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O ensino profissional é uma das áreas em que Portugal se posiciona pior na tabela do IMD World Talent Ranking 2019. Fotografia: Miguel Pereira/Global Imagens

Portugal é 23º no ranking mundial de talento. Caiu seis posições

O ensino profissional é uma das áreas em que Portugal se posiciona pior na tabela do IMD World Talent Ranking 2019. Fotografia: Miguel Pereira/Global Imagens

Portugal é 23º no ranking mundial de talento. Caiu seis posições

NUNO VEIGA / LUSA

Governo apresentou queixa contra 21 pedreiras em incumprimento

Outros conteúdos GMG
Novo executivo de Costa é o que tem mais governantes desde 1976