Desemprego

Número de desempregados diminui. IEFP regista 300 mil em outubro

Fotografia: D.R.
Fotografia: D.R.

Ao longo do mês, inscreveram-se no IEFP 52.583 desempregados. Ofertas de emprego recebidas totalizaram 11.013, mas só 7521 arranjaram trabalho.

No final do mês de outubro, estavam registados nos Serviços de emprego do Continente e Regiões Autónomas, 300.019 pessoas em situação de desemprego, menos 10,2% face ao período homólogo e menos 0,4% em relação ao mês anterior.

Os dados são do boletim mensal divulgado esta quinta-feira pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), que revela que que as descidas mais acentuadas do desemprego registaram-se nas regiões de Lisboa e Vale do Tejo, Norte e região autónoma dos Açores.

No que respeita à atividade económica de origem do desemprego, dos 248 375 desempregados que, no final do mês em análise, estavam inscritos como candidatos a novo emprego, nos Serviços de Emprego do Continente, 70,7% tinham trabalhado em atividades do sector dos “serviços”, com destaque para as “Atividades imobiliárias, administrativas e dos serviços de apoio” (26,6%); 23,2% eram provenientes do sector “secundário”, com particular relevo para a “Construção” (7,5%); ao sector “agrícola” pertenciam 4,9% dos desempregados.

Ao longo do mês, inscreveram-se no IEFP 52.583 desempregados, menos 0,2% face ao mesmo mês em 2018, mas mais 3,1% relativamente a setembro. As ofertas de emprego recebidas totalizaram 11.013 em todo o território nacional, sendo que foram apenas 7521 desempregados arranjaram trabalho.

De acordo com o IEFP, a taxa de cobertura de desempregados envolvidos em medidas ativas de emprego e formação profissional aumentou (27,6%), sendo que nos jovens é de 50,5% e nos desempregados de longa duração 25,2%.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa (E), conversa com o ministro de Estado e das Finanças, Mário Centeno (D), durante o debate parlamentar de discussão na generalidade do Orçamento do Estado para 2020 (OE2020), esta tarde na Assembleia da República, em Lisboa, 09 de janeiro de 2020. MIGUEL A. LOPES/LUSA

Subida do PIB em 2019 chega aos 2,2% com revisão nas exportações de serviços

Foto - Leonardo Negrao

Deco: seguros de saúde não cobrem coronavírus, seguros de vida sim

Foto: D.R.

Easyjet. Ligações de Portugal com Itália não serão afetadas, por enquanto

Número de desempregados diminui. IEFP regista 300 mil em outubro