Mercados

CMVM do Brasil proíbe investimentos em moedas virtuais

Cliente troca moeda normal por bitcoin numa caixa própria. Fotografia: REUTERS/Brendan McDermid
Cliente troca moeda normal por bitcoin numa caixa própria. Fotografia: REUTERS/Brendan McDermid

O órgão regulador do mercado de capitais do Brasil proibiu a compra de moedas virtuais por fundos de investimento regulados e registados no país.

A decisão foi comunicada aos agentes financeiros num ofício no qual a CVM informou que não chegou a conclusões exatas sobre a natureza jurídica e económica do investimento em moedas virtuais e, por isto, o investimento dos fundos nas mesmas será proibido no país.

“A área técnica da CVM informa aos administradores e gestores de fundos de investimento que as criptomoedas não podem ser qualificadas como ativos financeiros (…) Por essa razão, não é permitida aquisição direta dessas moedas virtuais pelos fundos de investimento regulados”, informou Daniel Maeda, superintendente da CVM.

O ofício do órgão regulador do mercado de capitais no Brasil alertou ainda os agentes do mercado financeiro sobre os riscos associados às transações cibernéticas, tais como segurança e particularidades de custódia.

O valor de um bitcoin, a moeda virtual mais conhecida do mundo, subiu em meados de dezembro para quase 20 mil dólares (16,4 mil euros) e acumulou uma valorização de mais de 1.000% no ano de 2017. Depois desta subida, esta moeda virtual tem registado quedas progressivas.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Dos blueprints  dos primeiros automóveis, ao topo dos carros elétricos atuais, de elon Musk, em homenagem, a Nikolas Tesla.
Ilustração: VITOR HIGGS

Automóvel. Em 20 anos do euro mudou tudo, menos a carga fiscal e o líder

João Vieira Lopes, presidente da Confederação do Comércio e Serviços.
(Jorge Amaral/Global Imagens)

Vieira Lopes: “Metas do governo são realistas mas é preciso investimento”

A EDP, liderada por António Mexia, vai pagar o maior cheque de dividendos da bolsa nacional.

PSI20. Menos lucros mas o mesmo prémio aos acionistas

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
CMVM do Brasil proíbe investimentos em moedas virtuais