Brexit

“Please stay, UK”. Portugueses querem britânicos na União Europeia

REUTERS/Toby Melville
REUTERS/Toby Melville

Com criatividade da Fuel e apoio tecnológico do laboratório Bright Pixel, esta campanha permite a qualquer pessoa criar um postal digital.

Please Stay, UK“. Esta é a campanha promovida por Portugal para que o Reino Unido não saia da União Europeia. Com criatividade da Fuel e apoio tecnológico do laboratório Bright Pixel, esta iniciativa foi lançada esta terça-feira para mostrar aos britânicos o que a vasta maioria dos cidadãos europeus pensam sobre o processo do Brexit.

As duas empresas criaram uma página na Internet que permite a qualquer pessoa criar um postal digital com a sua fotografia e uma mensagem de incentivo à permanência na União Europeia, de forma mais cómica ou mais séria e de acordo com as preferências. Este postal pode ser partilhado por email ou nas redes sociais, de forma a incentivar outros europeus a participar neste movimento.

“Não sabemos qual o verdadeiro impacto que uma iniciativa deste género poderá provocar mas, independentemente do resultado, fica já a enorme satisfação em podermos contribuir para que um apelo com esta relevância ganhe forma”, destaca João Ribeiro, presidente executivo da Fuel.

“Esta é uma iniciativa que consideramos representar o sentimento da vasta maioria dos cidadãos europeus em relação à manutenção do Reino Unido na União Europeia. Criámos este movimento para que todos os cidadãos de todos os países europeus se possam expressar e se façam ouvir junto dos seus amigos britânicos”, refere Celso Martinho, líder da Bright Pixel.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
(Fotografia: Pedro Granadeiro / Global Imagens )

Vendas de carros descem 71,6% em maio

O primeiro-ministro, António Costa. Fotografia: António Cotrim/Lusa

PIB pode registar quebra entre 9% a 15% em 2020

Lisboa, 25/05/2016 - Aspecto do Palco Mundo, durante uma reportagem do Diário de Notícias sobre o que acontece nos dias em que no Festival Rock in Rio não há concertos.

( Gustavo Bom / Global Imagens )

APSTE: Setor dos eventos com prejuízos de 20 milhões no segundo trimestre

“Please stay, UK”. Portugueses querem britânicos na União Europeia