Infraestruturas

Ponte de vidro dos Passadiços do Paiva já está em construção

(Fernando Fontes/Global Imagens )
(Fernando Fontes/Global Imagens )

A nova estrutura anunciada para Arouca integra a rede de vias pedonais já existentes no concelho e terá um custo estimado em 1,7 milhões de euros.

A ponte envidraçada dos Passadiços do Paiva já está em construção, revelou esta quinta-feira a Câmara de Arouca, que aponta essa estrutura de 480 metros sobre o rio como “a maior em Portugal” e “a mais bonita da Europa”.

De utilização apenas pedonal, a ponte estará suspensa a 150 metros de altura junto ao geossítio da Cascata das Aguieiras e nas imediações da escarpa conhecida como a Garganta do Paiva.

“Vai ser a maior ponte do género em Portugal e, se não for também a maior da Europa, será certamente a mais bonita e a mais impactante”, declarou à Lusa a presidente da autarquia, Margarida Belém.

“É uma obra de imenso relevo não apenas para a população de Arouca, mas também para todo o território nacional, dada a procura que os passadiços e o geoparque têm registado tanto entre a comunidade portuguesa como entre os nossos visitantes estrangeiros”, acrescentou a autarca.

Arrancando com a instalação do estaleiro e com trabalhos de preparação do terreno, a empreitada foi entregue à empresa Conduril – Engenharia, SA, com base num projeto do Itecons – Instituto de Investigação e Desenvolvimento Tecnológico para a Construção, Energia, Ambiente e Sustentabilidade, da Universidade de Coimbra.

O vão de 480 metros sobre o rio terá uma largura útil de 1,20 metros e pavimento em gradil metálico, no que o objetivo é facilitará a circulação do vento sem oferecer grande resistência às correntes.

Inspirada nas pontes incas que atravessavam os vales mais profundos das montanhas dos Andes, a nova estrutura anunciada para Arouca integra a rede de vias pedonais já existentes no concelho e terá um custo estimado em 1,7 milhões de euros (mais IVA).

Deverá ficar concluída num prazo de 10 meses, após o que a sua utilização terá efeito no preçário de acesso aos passadiços, cuja entrada custa atualmente um euro por pessoa, sendo grátis para menores de 12 anos e tendo um custo único de 2,5 euros para residentes de Arouca que adquiram um cartão de uso vitalício.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Mário Centeno. Fotografia: Mário Cruz/Lusa

BdP: Tribunal da Relação é que pode ordenar levantamento do sigilo sobre BES

Ricardo Salgado

Banco de Portugal aplica nova coima a Ricardo Salgado

A ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Mariana Vieira da Silva TIAGO PETINGA/POOL/LUSA

Governo. Mudanças de horários são “cirúrgicas” e não preveem turnos

Ponte de vidro dos Passadiços do Paiva já está em construção