Portugal com 3.º maior recuo homólogo da UE na produção industrial

A produção industrial recuou em julho na zona euro e na União Europeia (UE), face ao mês homólogo, com Portugal a registar a terceira maior quebra homóloga (-9,6%) e a maior subida mensal (11,9%), segundo o Eurostat.

Em julho, a produção industrial caiu 7,7% na zona euro e 7,3% na UE, face ao mesmo mês de 2019, tendo as maiores baixas sido observadas na Dinamarca (-13,6%), Alemanha (-11,6%) e Portugal (-9,6%).

A Irlanda (+15,6%), Polónia (+0,9%) e Letónia (+0,1%) foram os únicos Estados-membros onde o indicador subiu.

Face a junho, a produção industrial aumentou 4,1% tanto na zona euro quanto na UE, com Portugal a liderar as subidas no indicador (11,9%), seguindo-se Espanha (9,4%), e Irlanda (8,3%).

Os únicos recuos na variação em cadeia foram observados na Dinamarca (-4,9%), na Letónia (-0,8%) e na Bélgica (-0,5%).

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de