prémios

Portugal distinguido como ‘destino a visitar’ de 2018

Foto: Rafael Marchante/ Reuters
Foto: Rafael Marchante/ Reuters

Os turistas norte-americanos estão a procurar Portugal cada vez mais e, por isso, o Governo quer potenciar este mercado.

Portugal trouxe para casa o galardão de “destino a visitar” de 2018, atribuído pela rede global de viagens de luxo Virtuoso nos Virtuoso Awards, uma cerimónia realizada na 30ª edição da Virtuoso Travel Week, em Las Vegas, nos Estados Unidos da América.

Em comunicado, a secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, refere que “é uma ótima notícia e mostra que Portugal se afirma cada vez mais como um destino de qualidade, que é atraente para turistas que gastam mais”.

“É especialmente importante numa altura em que os Estados Unidos são já o nosso quinto principal mercado em termos de receitas, o que reflete não só a duplicação da capacidade aérea como também a aposta reforçada que temos feito neste país”, explicou.

Os turistas norte-americanos em território nacional estão a aumentar e têm dado novo gás à indústria. Ao todo, no primeiro semestre do ano, contabilizaram-se 354 mil visitantes oriundos deste país, mais 21,3% do que em igual período do ano passado.

Mas a margem de crescimento ainda é grande. “Devemos agora continuar a apostar na experiência turística direcionada a este mercado, não só para que continuem a visitar-nos, mas também, para que comecem a considerar-nos como destino para investir e viver”, lembra o presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, citado na mesma nota.

Já em 2017, o reforço das ligações aéreas entre os dois países, operadas pela TAP, SATA, United Airlines, American Airlines e Delta Airlines, deu um empurrão de 35% no número de hóspedes.

Com mais de 15 mil associados, a rede Virtuoso reúne operadores turísticos e agentes de viagem de todo o mundo, dos quais nove mil são norte-americanos.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Ricardo Mourinho Félix, Secretário de Estado Adjunto e das Finanças. 
( Filipa Bernardo/ Global Imagens )

“Cidadãos não vão tolerar situações que ponham estabilidade financeira em risco”

Ricardo Mourinho Félix, Secretário de Estado Adjunto e das Finanças. 
( Filipa Bernardo/ Global Imagens )

“Cidadãos não vão tolerar situações que ponham estabilidade financeira em risco”

Lisboa, 22/11/2019 - Money Conference, Governance 2020 – Transparência e Boas Práticas no Olissippo Lapa Palace Hotel.  António Horta Osório, CEO do Lloyds Bank

( Filipa Bernardo/ Global Imagens )

Horta Osório: O malparado na banca portuguesa ainda é “muito alto”

Outros conteúdos GMG
Portugal distinguido como ‘destino a visitar’ de 2018