Dinheiro Vivo TV

Portugueses correm para os postos de combustível

A carregar player...

Inquietos com a falta de abastecimento, são muitos os que passam horas na fila para atestar os veículos. Veja aqui a reportagem.

A três dias do início da greve dos motoristas de matérias perigosas, a grande afluência de condutores já está a entupir vários postos de combustível, em Lisboa.

Após o anúncio do estado de emergência energética, decretado esta quinta-feira pelo Governo, o Dinheiro Vivo percorreu algumas das principais bombas de abastecimento da capital. Os condutores estão preocupados com as viagens de férias, mas também com a necessidade de abastecimento para continuarem a trabalhar, por isso estão já a precaver-se para enfrentar a greve na segunda-feira. Até porque já na quinta-feira à noite foram vários os postos de combustível, um pouco por todo o país, com registo de ruturas momentâneas.

Maria da Luz, geriatra, é uma das muitas portuguesas que esta manhã esteve na fila para abastecer. A cuidadora está preocupada com a eventualidade de ter de sair de urgência para comprar medicação e não ter como o fazer. Entre os vários entrevistados, a maioria revelou estar inquieta com as viagens planeadas nos próximos dias para gozar férias.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Exportações, TIC, Taiwan

Portugal exporta mais talento e tecnologia. Taiwan ganha força

Lisboa, 19/7/2019 - Eduardo Marques, Presidente da AEPSA- Associação das Empresas Portuguesas para o Sector do Ambiente-  uma associação empresarial, criada em 1994, que representa e defende os interesses coletivos das empresas privadas com intervenção no setor do ambiente,
(Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Eduardo Marques. “Há um grande espaço para aumentar as tarifas da água”

Jorge Leite. Fotografia: CGTP-IN

Morreu Jorge Leite, o jurista do Trabalho que defrontou a troika

Outros conteúdos GMG
Portugueses correm para os postos de combustível