PPP vão custar quase mil milhões ao Estado só este ano

Conselho analisa contas de 2013
Conselho analisa contas de 2013

O Estado português terá de pagar quase mil milhões de euros (líquidos) por conta das parcerias público-privadas (PPP) este ano.

De acordo com o relatório da Direção-Geral do Tesouro relativo ao primeiro trimestre de 2012, os contribuintes terão de gastar 1303 mil milhões de euros em “encargos correntes” com as PPP, valor ao qual abaterá uma receita prevista de 356 milhões de euros mais 16 milhões em acertos.

Teodora Cardoso diz que a dívida pública é maior do que se calcula. Leia mais aqui

O custo líquido para os contribuintes será de 963 milhões de euros em 2012, donde 590 milhões vão para as parcerias na construção e exploração de estradas e 320 milhões para as da Saúde. As PPP ferroviárias e na área da Segurança (SIRESP) são residuais face aos valores globais em causa.

No primeiro trimestre deste ano, diz o mesmo documento, “os encargos líquidos totais com as parcerias, no final do primeiro trimestre, representam 33,6% dos valores previstos para o ano de 2012”.

“Os valores cumulativos ficaram acima dos valores normais, face a anos anteriores, no sector rodoviário e na saúde”, acrescenta.

Nestes três meses em análise o Estado pagou 324 milhões de euros no total e em termos líquidos. Destes, 248 milhões de euros foram por causa das PPP das estradas e 75 milhões por causa dos contratos com empresas no ramo da Saúde.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Fotografia: Jorge Amaral / Global Imagens

Estes são os 10 melhores spots de surf do mundo. Um deles é português

Juncker, presidente da Comissão Europeia. Fotografia: Yves Herman/Reuters

Brexit. Juncker critica falta de preparação do Reino Unido

EPA/PIROSCHKA VAN DE WOUW

Pokémon Go. A poção para recuperar a Nintendo?

Louis Vuitton

Louis Vuitton vende Donna Karan

kosrae nautilus resort micronesia

Quer um resort na Micronésia? Compre uma rifa de 49 dólares

um horário de trabalho mais reduzido é sinónimo de uma vida mais saudável (70%) Fotografia: REUTERS/Neil Hall

Trabalhar mais de 40 horas? Sim, mas com salário maior

Conteúdo Patrocinado
PPP vão custar quase mil milhões ao Estado só este ano