Automóvel

Produção automóvel acumula subida de 25,8% este ano para 123.073 veículos

imagem_abertura_DV_cluster_automovel

Em abril deste ano foram produzidos em Portugal 28.602 veículos automóveis, o que se traduz num crescimento de 12,1% face ao mesmo mês de 2018.

A produção de automóveis em Portugal aumentou 12,1% em abril, para 28.602 veículos, enquanto no conjunto dos primeiros quatro meses do ano a subida foi de 25,8% para 123.073 veículos, divulgou a ACAP, esta quarta-feira.

De acordo com dados da ACAP – Associação Automóvel de Portugal, em abril deste ano foram produzidos em Portugal 28.602 veículos automóveis, o que se traduz num crescimento de 12,1% face ao mesmo mês de 2018.

Já no conjunto dos quatro primeiros meses de 2019 “saíram das fábricas instaladas em Portugal 123.073 veículos, ou seja, mais 25,8% do que em igual período do ano anterior”.

No que respeita aos ligeiros de passageiros, foram produzidos 23.506 veículos em abril (mais 13,5%) e 101.662 unidades no primeiro quadrimestre deste ano (aumento de 26,9%).

Em abril, saíram das fábricas 4.700 comerciais ligeiros (crescimento de 7,9%) e entre janeiro e abril foram produzidos 19.518 veículos (mais 21,6%).

Já os veículos pesados apresentaram uma quebra homóloga de 14,1% em abril, para 396 unidades, enquanto no conjunto dos primeiros quatro meses deste ano foi registado um crescimento de 11,5% para 1.893 unidades.

Segundo a ACAP, 97,4% dos veículos fabricados em Portugal têm como destino o mercado externo, o que, segundo a associação, “contribui de forma significativa para a balança comercial portuguesa”.

A Europa continua a ser o mercado líder nas exportações dos veículos fabricados em território nacional – com 98,2% – com a Alemanha (22,6%), Itália (15,9%), França (13,8%) e Espanha (11,2%) no topo do ‘ranking’.

No que respeita à montagem de veículos automóveis pesados, em abril deste ano foram montados 298 veículos e, em termos acumulados, nos primeiros quatro meses deste ano, 1.371 veículos.

Deste total, foram exportados 95,6%, sendo a América (89,7%) o principal destino.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Paulo Neto Leite, CEO da Groundforce.

Ministério Público acusa Groundforce de discriminação com prémios de 2017

Fotografia: Leonardo Negrão/Global Imagens

Leis laborais revistas quase sem desvios ao acordo de Concertação Social

Ursula von der Leyen foi o nome nomeado para presidir à Comissão Europeia. (REUTERS/Francois Lenoir)

Parlamento Europeu aprova Von der Leyen na presidência da Comissão

Outros conteúdos GMG
Produção automóvel acumula subida de 25,8% este ano para 123.073 veículos