OE2019

PS quer alargar à CGA alívio nos cortes para reformas antecipadas

O partido dá ao governo até meados do próximo ano para encontrar uma solução para os funcionários públicos.

O Partido Socialista apresentou uma proposta de alteração ao Orçamento do Estado para 2019 (OE 2019) para alargar aos subscritores da Caixa Geral de Aposentações (CGA) o regime de acesso à reforma antecipada sem a penalização do fator de sustentabilidade.

Caso a medida passe no crivo da especialidade e na votação final global, acaba o corte de 14,5% para os trabalhadores que cheguem aos 60 anos de idade com 40 anos de descontos, tal como acontece no regime geral da Segurança Social.

O PS vai, assim, ao encontro das propostas defendidas pelo Bloco de Esquerda e PCP.

“O PS considera necessário que os subscritores da CGA tenham os mesmos direitos e garantias que os beneficiários do Regime Geral da Segurança Social em matéria de acesso à reforma antecipada”, justificou o vice-presidente da bancada parlamentar socialista, João Paulo Correia.

A proposta agora apresentada pelo PS dá ao governo até ao final do primeiro semestre de 2019 o prazo para encontrar uma solução para os subscritores da CGA.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Caixa Geral Depósitos CGD Juros depósitos

Caixa perdeu 1300 milhões com créditos de grandes devedores

Ursula von der Leyen foi o nome nomeado para presidir à Comissão Europeia. (REUTERS/Francois Lenoir)

Parlamento Europeu aprova Von der Leyen na presidência da Comissão

Christine Lagarde, diretora-geral demissionária do FMI. Fotografia: EPA/FACUNDO ARRIZABALAGA

Christine Lagarde demite-se da liderança do FMI

Outros conteúdos GMG
PS quer alargar à CGA alívio nos cortes para reformas antecipadas