TAP

Resolução que coloca Estado como acionista maioritário da TAP publicada em DR

Fotografia: direitos reservados
Fotografia: direitos reservados Fotografia: direitos reservados

A resolução do Conselho de Ministros que coloca Estado como acionista maioritário da TAP foi, esta terça-feira, publicada em Diário da República (DR)

A reconfiguração da participação do Estado no capital social da TAP, que coloca o Estado como acionista maioritário da empresa, foi hoje publicada em Diário da República (DR).

Depois de em fevereiro de 2016 o Governo de António Costa ter reforçado a posição do Estado de 39% para 50%, com esta reconfiguração, o consórcio privado Atlantic Gateway fica com 45% do capital do grupo que tem como principal ativo a transportadora aérea e os restantes 5% ficam nas mãos dos trabalhadores.

De acordo com o texto da resolução do Conselho de Ministros, hoje publicado em DR, uma das condições de que depende a conclusão da transação prevista no acordo de compra e venda de ações é a autorização dos credores da dívida financeira para a redução da participação da Atlantic Gateway na TAP e a consequente adaptação de parte do passivo financeiro do Grupo TAP ao plano de atividades e investimento do grupo, tendo sido encetada e concluída uma negociação nesse sentido com os credores da dívida financeira do grupo.

O texto da resolução produz efeitos a partir da data da sua aprovação. O consórcio privado Atlantic Gateway é liderado por Humberto Pedrosa e David Neeleman.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Fotografia: Gerardo Santos/Global Imagens

Saídas para a reforma disparam 43% na função pública

Foto: DR

EDP flexibilizou pagamento de faturas no valor de 60 milhões de euros

Carteiros

CTT vão entregar cartão de cidadão em casa. Piloto arranca em Oeiras

Resolução que coloca Estado como acionista maioritário da TAP publicada em DR