Rui Rio recusa convite de Passos para liderar novo Banco de Fomento

Rui Rio
Rui Rio

O ex-presidente da Câmara do Porto, Rui Rio, foi convidado pelo Governo
para liderar o futuro Banco de Fomento, cuja sede ficará no Porto.
Surpreendido pelo convite, Rio pediu “uns dias” para pensar. Gastou-os a
recolher opiniões junto de amigos e conselheiros e a ponderar os prós e
os contras da situação. Amadurecida a decisão, declinou o convite.

Ao que o JN apurou junto de fonte governamental, o
convite tinha um pressuposto: os quatro nomes que formariam a comissão
instaladora do Banco estavam escolhidos e tinham já aceitado o repto do
Governo.

Leia a notícia completa na edição impressa do Jornal de Notícias

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Christine Lagarde e Angela Merkel. Fotografia: REUTERS/Hannibal Hanschke

FMI: “O mundo está a ganhar velocidade e deve crescer 3,9%”

Fotografia: Adelino Meireles/Global Imagens

Número de desempregados inscritos baixou 16,3% em 2017

Cristina Casalinho, presidente do IGCP

Certificados do Tesouro captam 3,7 mil milhões em 2017

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Rui Rio recusa convite de Passos para liderar novo Banco de Fomento