ajuda externa

Bloco. “Schäuble entende que deve usar Portugal como bode expiatório”

Mariana Mortágua, deputada do Bloco de Esquerda
Mariana Mortágua, deputada do Bloco de Esquerda

Ministro das Finanças alemão disse que Portugal ia precisar de um novo resgate se não cumprisse as regras. Mortágua riposta.

A deputada do Bloco de Esquerda Mariana Mortágua teceu duras críticas ao ministro das Finanças alemão, Wolfgang Schäuble, acusando-o de usar Portugal como “bode expiatório para esconder os problemas do seu banco”.

Mortágua, que falava no debate sobre o sistema financeiro, que decorre esta manhã no Parlamento, defendeu que “o Parlamento português tem direito de responder ao ministro das Finanças alemão quando este difama Portugal”.

O ministro das Finanças alemão afirmou na quarta-feira que Portugal ia precisar de um novo resgate, corrigindo de imediato para dizer que se Portugal não cumprisse as regras precisaria de um novo debate. O tema levantou polémica porque Schäuble tinha sido questionado sobre se estava preocupado como Deutsche Bank e responder que estava preocupado com Portugal.

Perante um forte burburinho e protesto de deputados Mortágua foi irónica: “senhores deputados, não falem tão alto para defender o ministro das finanças alemão… tenham calma”.

“O Parlamento português tem direito a responder ao ministro das finanças alemão quando difama Portugal.” E acusou os deputados da direita: “se não o querem fazer não façam mas não impeçam quem quer de o fazer. Quando é perguntado sobre péssimo estado do Deutsche Bank entende que deve difamar Portugal e usar Portugal como bode expiatório para esconder os problemas do seu banco”, atirou a deputada.

“É vergonhoso que um ministro de um Estado que não é mais nem menos que Portugal semear o caos em países vizinhos porque a sua prepotência o convenceu de que o podia fazer e usar o nosso país para isso”, acusou, atirando as responsabilidades para o PSD e CDS, que deixaram que isso acontecesse.

As declarações de Schäuble provocaram fortes reações dos vários partidos nos dias seguintes, repudiando as afirmações.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa (D), e o presidente da Câmara Municipal de Loures, Bernardino Soares (E), participam na conferência de imprensa no final de uma reunião, em Loures. MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Costa: “Há países que foram colocados em listas vermelhas por retaliação”

João Rendeiro, ex-gestor do BPP

João Rendeiro, ex-presidente do BPP, condenado a pena de prisão

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa. (ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA)

Marcelo diz que revisão do défice “traduz bem a crise brutal”

Bloco. “Schäuble entende que deve usar Portugal como bode expiatório”