Dinheiro Vivo TV

Semana traz situação de contigência e audições sobre o Novo Banco

A carregar player...

Situação de contingência, que é alargada a todo o país esta terça-feira, traz um conjunto de novas regras.

A partir de terça-feira, a situação de contingência traz novas regras na tentativa de conter a propagação da covid-19, como a limitação de ajuntamentos a dez pessoas e novos horários de abertura para o comércio. Recorde aqui todas as regras anunciadas na semana passada por António Costa.

Na terça-feira, o INE divulga dados sobre a atividade turística no mês de julho. No Parlamento, a Comissão de Orçamento e Finanças ouve o presidente do Novo Banco sobre a alienação das carteiras de imóveis e créditos do banco. Os deputados pediram também a presença de Mário Centeno e João Leão, agora ministro das Finanças.

No mesmo dia, a partir da Califórnia, a Apple apresenta novos produtos. Devido à pandemia, a apresentação será feita apenas online, continuando as dúvidas sobre se será já apresentado o novo iPhone ou se a revelação ficará para mais tarde. Também nos Estados Unidos arranca o comité do mercado aberto da Reserva Federal norte-americana.

Na quarta-feira, logo pela manhã, é ouvido no Parlamento o presidente do Fundo de Resolução, ainda no tema do Novo Banco. Também na quarta, António Costa Silva é ouvido no parlamento sobre o Plano de Recuperação económica do país entre 2020 a 2030.

Na quinta, o Banco de Portugal revela vários indicadores, como as balanças corrente e de capital ou a posição de investimento internacional. O INE tem prevista também a divulgação dos preços na produção industrial e a síntese económica de conjuntura. Em Madrid, a Inditex, a dona da Zara, apresenta os resultados do primeiro semestre.

Na sexta, a agência de notação financeira DBRS divulga o rating de Portugal.

Durante o fim-de-semana realiza-se em Lisboa o Encontro Nacional de veículos elétricos. Em Milão, arranca a feira de calçado Micam, com a participação de cerca de 35 expositores portugueses, quase um terço dos 81 da edição de setembro do ano passado.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Fotografia: Arquivo/ Global Imagens

Transações de casas caíram 35,25% em abril. Preços começam a abrandar

(João Silva/ Global Imagens)

Estrangeiros compraram menos casas em Portugal em 2019. Preço por imóvel subiu

dgs covid portugal coronavirus

Mais cinco mortos e 463 infetados por covid-19 em Portugal

Semana traz situação de contigência e audições sobre o Novo Banco