Impostos

Sete distritos concentram 70% das declarações do IRS em papel

Foto: GERARDO SANTOS
Foto: GERARDO SANTOS

Cerca de 70% dos contribuintes que em 2017 ainda entregaram a declaração do IRS em papel estão concentrados em sete distritos.

O número de contribuintes que ainda entregam a declaração de IRS em papel tem vindo a diminuir e, de acordo com os dados divulgados esta terça-feira pelo Ministério das Finanças, em 2017 foram entregues 150 mil destas declarações – contra cerca de 280 mil no ano anterior tal como indicam as últimas estatísticas do IRS que estão disponíveis no Portal das Finanças.

Destas 150 mil cerca de 70% respeitam a declarações enregues por pessoas residentes em Lisboa, Porto, Coimbra, Setúbal, Faro, Aveiro e Braga. Todos, como o Dinheiro vivo noticiou esta terça-feira, vão ser avisados por carta ou e-mail de que este ano apenas podem usar a Internet para entregar o IRS.

Aqueles que não formalizarem o pedido de uma senha de acesso receberão o necessário código em casa, por carta – único meio usado pela AT para enviar as senhas.

Os mesmos dados do Ministério das Finanças indicam ainda que 130 mil dos que usaram o papel tiveram apenas rendimentos das categorias A e H (trabalho dependente e pensões) pelo que reúnem as condições para serem abrangidos pelo IRS automático E, se assim for, caso haja qualquer falha, a declaração fica formalmente entregue no finm do prazo.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O governador do Banco de Portugal, Carlos Costa. (Fotografia: Mário Cruz/ Lusa)

Carlos Costa: “Não participei nos 25 grandes créditos que geraram perdas” à CGD

Pedro Granadeiro / Global Imagens

Reclamações. Anacom acusa CTT de divulgar informação enganosa

Paulo Macedo, presidente da CGD

CGD cumpre “com margem significativa” requisitos de capital do BCE

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Sete distritos concentram 70% das declarações do IRS em papel