Desemprego

Taxa de desemprego cai para 7,8% em fevereiro

A taxa de desemprego terá caído para os 7,8% em fevereiro, segundo indica a estimativa provisória do Instituto Nacional de Estatística.

Portugal tinha 406,8 mil desempregados em fevereiro, o que traduz um decréscimo de 2,6 mil pessoas face ao mês anterior. A confirmarem-se os dados provisórios divulgados esta terça-feira pelo INE, a taxa de desemprego terá ficado nos 7,8% em fevereiro, evidenciando uma quebra de 0,1 pontos percentuais em relação a janeiro.

O INE confirmou ainda que a taxa de desemprego (dados definitivos) ficou em janeiro nos 7,9%, refletindo uma diminuição de 0,1 pp em relação ao fecho de 2017 e de 2,2 pp em termos homólogos. Desde julho de 2004 que Portugal não registava uma taxa tão baixa.

De acordo com a autoridade estatística nacional, o número de desempregados em janeiro foi de 409,4 mil. São menos 3 mil do que em dezembro e esta quebra foi transversal às várias faixas etárias, ou seja, reflete uma quebra entre o desemprego jovem (15-24 anos) e entre a população ativa dos 25 aos 74 anos.

Do lado da população empregada, o INE estima que tenham aumentado 0,1% em janeiro para as 4 777 mil pessoas, por comparação com os dados observados em dezembro de 2017. Já em termos homólogo, há a registar um acréscimo de 167,8 mil pessoas com trabalho.

Em fevereiro, apesar da descida da taxa de desemprego, o mesmo não se terá verificado em relação à população empregada, com o INE a avançar com um decréscimo de 2,4 mil pessoas face a janeiro.

 

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O presidente do Conselho Geral e de Supervisão da ADSE, João Proença, durante a sua audição na Comissão de Saúde, na Assembleia da República, em Lisboa, 27 de fevereiro de 2019. MÁRIO CRUZ/LUSA

ADSE já enviou novas tabelas de preços aos privados para negociação

Mario Draghi, Presidente do Banco Central Europeu. REUTERS/Kai Pfaffenbach

BCE discutiu pacote de medidas para estimular economia na reunião de julho

Hotéis de Lisboa esgotaram

“Grandes” eventos impulsionaram aumento dos preços na hotelaria em junho

Outros conteúdos GMG
Taxa de desemprego cai para 7,8% em fevereiro