Brexit

Theresa May vence moção de censura dos conservadores

Theresa May, primeira-ministra do Reino Unido. (Fotografia: Julien Warnard/ EPA)
Theresa May, primeira-ministra do Reino Unido. (Fotografia: Julien Warnard/ EPA)

De acordo com as regras do partido, a líder do partido fica imune a novas moções de censura durante um ano.

A primeira-ministra britânica, Theresa May, venceu a moção de censura interna do Partido Conservador à sua liderança, foi hoje anunciado no Parlamento britânico.

Graham Brady, presidente da Comissão 1922, que gere o processo de eleições internas do partido Conservador, revelou que 200 deputados votaram a favor e 117 contra.

De acordo com as regras do partido, a líder do partido fica imune a novas moções de censura durante um ano.

A vitória da chefe do executivo britânico na moção de censura representa igualmente um risco, já que, como está, o acordo de saída do Reino Unido da União Europeia (UE) está condenado a ser rejeitado no parlamento, a não ser que May consiga as “garantias adicionais” que pretende dos líderes europeus para apresentar na Câmara dos Comuns, a tempo de uma nova votação, antes de 21 de janeiro.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Caixa Geral de Dep—ositos -

Sete dos créditos de risco da CGD tiveram perdas de 100%

(Rui Oliveira / Global Imagens)

Quota de mercado dos carros a gasóleo cai para mínimos de 2003

Operadores da Groundforce onde a operação da empresa de ‘handling’ Groundforce inclui números como cinco minutos e 400 toneladas, mas também o objetivo de chegar ao fim de 2019 com 3.600 colaboradores, aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, 22 de janeiro de 2018. Para que os aviões estejam no ar, a Groundforce faz toda a assistência em terra, excetuando o fornecimento de comida e de combustível, como resume o presidente executivo da empresa, Paulo Neto Leite, numa visita guiada aos ‘bastidores’ do Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa. MÁRIO CRUZ/LUSA

Com o aeroporto de Lisboa “no limite”, Groundforce exige à ANA que invista já

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Theresa May vence moção de censura dos conservadores