Turismo

Turismo. Lisboa entre as cidades que mais cresceram desde 2009

Fotografia: Arquivo / Global Imagens
Fotografia: Arquivo / Global Imagens

Cidade mais visitada do Mundo é Banguecoque, mas Mastercard coloca duas cidades europeias a fechar o pódio de acordo com a procura dos turistas

Os números não deixam margem para dúvidas: Paris e Londres são as capitais mais procuradas da Europa. Receberam, em 2018, mais de 19 milhões de turistas cada uma, o que as colocou na segunda e terceira posições entre os destinos mais procurados por turistas em todo o mundo. O primeiro lugar pertence a Banguecoque, na Tailândia, local preferido dos turistas internacionais, com mais de 22 milhões de pessoas. Lisboa não vai além da 36ª posição, no Global Destination Cities Index, anualmente realizado pela Mastercard, ficando na 17ª posição entre as escolhas na Europa. Mas a capital portuguesa tem crescido fortemente nos últimos anos e, mostra este estudo, o crescimento de 10% no número de visitantes desde 2009 está entre os quatro mais elevados do velho continente.

Não é só em pessoas. O estudo da Mastercard assinala ainda um crescimento de 8,3% no valor gasto pelos turistas que ficam em Portugal e que, tendo por base os números de 2018, que apontam para 5,2 milhões de turistas na Capital portuguesa, situa numa média de 150 euros a despesa feita por pessoa, por cada dia de estadia. Em termos de distribuição dos gastos feitos por estes turistas, 29,2% foram para alojamento, 30,9% para alimentação e bebidas, 28,8% para compras e 4,1% para transportes locais.

CidadesTuristas2018Crescimento2019EstadiamédiaGasto

internacionais em expectável em diário (euros)
Banguecoque 22.78
milhões
3.34% 4.8
noites
€167
Paris 19.10
milhões
2.24% 2.5
noites
€269
Londres 19.09
milhões
3.47% 5.8
noites
€135
Dubai 15.93
milhões
1.68% 3.5
noites
€504
Singapura 14.67
milhões
4.00% 4.2
noites
€248
Kuala
Lumpur, Malaysia
13.79
milhões
9.87% 5.7
noites
€129
Nova
Iorque
13.60
milhões
2.94% 7.9
noites
€138
Istambul 13.40
milhões
8.14% 5.8
noites
€96
Tóquio 12.93
milhões
10.02% 5.4
noites
€178
Antália,
Tuquia
12.41
milhões
8.14% 14.0
noites
€40

“A cada ano, mais pessoas viajam em todo mundo e gastam mais dinheiro nas cidades que visitam. Entre todos os 200 destinos que compõem este índice, as chegadas cresceram, em média, 6,5% ao ano desde 2009 e as despesas cresceram em média 7,4%”, refere, em nota, a Mastercard.

No mesmo documento, a empresa de pagamentos, acrescenta que “no top 5 das origens dos turistas que vieram a Lisboa em 2018, estão França (11,3%), Espanha (11,1%), Brasil (9,4%), Alemanha (8,6%) e Estados Unidos da América (8,2%)”. Os turistas ingleses, que a nível nacional, repartem protagonismo com os Espanhóis não são, todavia, mencionados neste estudo.

Desde 2009, o número de visitantes internacionais cresceu 76% a nível global. As cidades da região Ásia-Pacífico registaram o maior aumento de turistas internacionais desde 2009 (9,4%). Na Europa, os turistas chineses deram o maior contributo para um crescimento de 5,5% no número de visitantes.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O presidente do Novo Banco, António Ramalho, discursa na cerimónia de lançamento do Projeto de Divulgação Cultural do Novo Banco. Fotografia: MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Banca custou ao Estado mais 1,5 mil milhões de euros em 2019, agora ajude

coronavirus portugal antonio costa

Proibidos ajuntamentos com mais de cinco pessoas. Aeroportos encerrados

O primeiro-ministro, António Costa, fala aos jornalistas no final da reunião do Conselho de Ministros após a Assembleia da República ter aprovado o decreto do Presidente da República que prolonga o estado de emergência até ao final do dia 17 de abril para combater a pandemia da covid-19, no Palácio da Ajuda, em Lisboa, 2 de abril de 2020. 
 MÁRIO CRUZ/POOL/LUSA

Mapa de férias pode ser aprovado e afixado mais tarde do que o habitual

Turismo. Lisboa entre as cidades que mais cresceram desde 2009