INE

Vendas no comércio a retalho aceleram para 5,4% em janeiro

Comércio a retalho
Comércio a retalho

Os negócios no comércio a retalho cresceram 5,4% em janeiro, face a igual período do ano anterior, acelerando face ao crescimento homólogo de 3,9% em dezembro, revelou hoje o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Numa nota hoje divulgada, o INE explica que a evolução do índice de volume de negócios no comércio a retalho total foi determinada fundamentalmente pelo agrupamento dos produtos não alimentares, que teve um aumento homólogo de 5%.

Comparando com dezembro, em janeiro, as vendas no comércio a retalho aumentaram 1,5%, mais do que a subida de 0,1% registada no mês anterior face a novembro.

As variações em cadeia dos agrupamentos de produtos alimentares e produtos não alimentares revelaram, respetivamente, uma queda de 1,5% e um aumento de 4%.

Em termos nominais, o índice agregado apresentou um aumento homólogo de 3,9% em janeiro, maior do que de 2,7% em dezembro.

Os índices de emprego, de remunerações e de horas trabalhadas ajustadas de efeitos de calendário, apresentaram crescimentos homólogos de 2,1%, 2,8% e 1,7%, respetivamente, contra 2,2%, 4,5% e 1,4% em dezembro, pela mesma ordem.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
(Artur Machado / Global Imagens)

Dinheiro Vivo mantém-se líder digital dos económicos

(Artur Machado / Global Imagens)

Dinheiro Vivo mantém-se líder digital dos económicos

O ex-governador do Banco de Portugal (BdP), Vítor Constâncio, na II Comissão Parlamentar de Inquérito à Recapitalização da Caixa Geral de Depósitos e à Gestão do Banco, na Assembleia da República. TIAGO PETINGA/LUSA

BCP, Berardo e calúnias. As explicações de Constâncio no inquérito à CGD

Outros conteúdos GMG
Vendas no comércio a retalho aceleram para 5,4% em janeiro