património

Vila Franca de Xira pede ajuda ao Governo para salvar ilha no Tejo

Fotografia: Henriques da Cunha
Fotografia: Henriques da Cunha

A Câmara Municipal de Vila Franca de Xira aprovou hoje uma moção que alerta para a detioração do Mouchão da Póvoa

A Câmara Municipal de Vila Franca de Xira aprovou hoje uma moção que alerta para a deterioração do Mouchão da Póvoa e para a necessidade de o Governo autorizar a realização de “obras urgentes”.

O documento, apresentado pela CDU, foi aprovado por unanimidade, durante uma reunião do executivo liderado pelo socialista Alberto Mesquita.

Em causa está, segundo explica o texto da moção, a “falta de autorização” das entidades responsáveis pelas questões ambientais, nomeadamente a Agência Portuguesa do Ambiente (APA), para a realização de obras no dique do Mouchão da Póvoa (pequena ilha particular localizada no estuário do Tejo).

“O protelamento de toda e qualquer decisão governamental suscetível de contribuir para a já identificada degradação ambiental e paisagística do Mouchão poderá comprometer irremediavelmente o seu frágil equilíbrio natural e paisagístico”, alerta o texto.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, Alberto Mesquita (PS), referiu que o município tem realizado várias reuniões com a APA para alertar para a “urgência” de dar um parecer sobre o projeto de intervenção no Mouchão da Póvoa.

“É uma situação que nos deixa muito apreensivos. O Mouchão pode correr o risco de desaparecer. Nada justifica esta demora da APA”, criticou.

Alberto Mesquita ressalvou que o Mouchão tem potencialidades agroturísticas e que será necessário encontrar uma “solução urgente”.

A Lusa tentou contatar a APA e o Ministério do Ambiente, mas não obteve resposta.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Mário Centeno, ministro das Finanças e presidente do Eurogrupo. Fotografia: EPA/STEPHANIE LECOCQ

Peso da despesa com funcionários volta a cair para mínimos em 2020

26/10/2019 ( Nuno Pinto Fernandes/ Global Imagens )

Conselho de Ministros aprovou Orçamento do Estado

Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República portuguesa. Foto: REUTERS/Benoit Tessier

OE2020: PR avisa que é preciso “ir mais longe” em matérias como a saúde

Outros conteúdos GMG
Vila Franca de Xira pede ajuda ao Governo para salvar ilha no Tejo