Petróleo

Saudita Aramco estreia-se em bolsa com subida de 10%

Foto: D.R.
Foto: D.R.

A Aramco está a valer 1,66 biliões de euros na Bolsa de Riade, o que a coloca como a empresa mais cara do mundo.

A petrolífera saudita Aramco, a maior do mundo, estreou-se no mercado de valores registando uma subida de 10% sobre o valor de abertura na Bolsa de Riade, elevando o valor das ações para os 8,47 euros.

Com esta subida do preço dos títulos, o valor da Aramco na Bolsa de Riade (Tadawul) fica a situar-se nos 1,66 biliões de euros, a mais cara empresa do mundo.

A refinaria Aramco, na Arábia Saudita, foi este ano alvo de um ataque reivindicado pelos separatistas hutus do Iémen apesar de o governo de Riade responsabilizar o regime do Irão.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Mário Centeno

Centeno volta a cativar mais dinheiro

Natalidade. Fotografia: Pedro Granadeiro / Global Imagens

Despesa com apoios à família é a quinta mais baixa da UE

Foto: D.R.

Coronavírus: EasyJet vai cancelar voos de e para Itália

Saudita Aramco estreia-se em bolsa com subida de 10%