internacionalização

14 empresas portuguesas na Paperworld

Paperworld
Paperworld

O mundo do papel e da decoração festiva desvenda as suas novidades em Frankfurt

A Paperworld, a maior feira internacional de artigos para papelaria, escritório e material escolar, decorre em Frankfurt de 30 de janeiro a 2 de fevereiro. São cerca de dois mil expositores de 60 países que aí apresentam as mais recentes novidades, coleções e toda uma variedade de artigos que vão marcam a próxima estação.

Portugal marca presença com 14 empresas, entre as quais a Ambar Passion, a Cartonex, a Firmo, a Make Notes, a Moinho de Chuva, a Portucel, a Fegol, a Pajory ou a Viarco. A Paperworld reúne os principais fornecedores de equipamento para escritório, artigos escolares, utensílios para escrita, acessórios pessoais, cartões festivos e calendários e consumíveis reciclados para impressoras.

Já a Creativeworld está direcionada para retalhistas especializados e fornecedores de lojas de hobbies, bricolage e artes decorativas, bem como department stores e grossistas. “A mostra desperta especial interesse nos profissionais e amantes das artes manuais pois oferece demonstrações ao vivo e workshops para os visitantes experimentarem em primeira mão todas as novidades dos expositores”, destaca a organizadora do certame em comunicado, a Messe Frankfurt Exhibition GmbH.

Na Christmasworld, onde Portugal estará representado pela Angels & Cº, apresentam-se os fabricantes de artigos para épocas festivas como o Natal, a Páscoa, o Halloween, o dia da mãe ou os aniversários, entre outras festividades.

As empresas portuguesas aproveitam a sua participação na feira para lançar novas coleções, afirmarem as suas marcas e contactar com novos clientes, num evento que atrai milhares de visitantes de todo o mundo.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
José Neves, fundador da Farfetch. Fotografia: Pedro Granadeiro / Global Imagens

Grupo chinês JD.com investe 356 milhões na portuguesa Farfetch

Cláudia Joaquim, Secretária de Estado da Segurança Social e Vieira da Silva, ministro que tutela a pasta. 
Fotografia: Leonardo Negr‹ão / Global Imagens

Subsídio de desemprego chega dia 23 e sem o corte de 10%

energia

Comissão Europeia retira validade a estudo da REN no caso EDP

Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
14 empresas portuguesas na Paperworld