"A caminho de Hannover 2022": Empresas preparam-se para maior certame mundial da indústria

Portugal foi selecionado como parceiro para a grande feira alemã do setor industrial. Empresas podem inscrever-se e preparar-se para o evento em sessões gratuitas.

Em 2022, Portugal será o país parceiro na Hannover Messe, a maior feira da indústria de todo o mundo, e para tal foram dinamizados vários workshops a 16, 17 e 18 de junho, por Braga, Aveiro e Lisboa, para preparar a presença das empresas portuguesas.

Maria Manuel Aires Serrano, responsável da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP) pelo projeto Hannover Messe 2022, reforçou nas sessões que o evento se traduz numa "enorme oportunidade para as empresas nacionais" e servirá como "palco mundial de afirmação das nossas capacidades de inovação, produção, serviço e talento, numa altura em que estão em curso importantes processos de relocalização global das cadeias de valor".

Portugal terá ainda a vantagem de usufruir de uma localização privilegiada, com três pavilhões dedicados às áreas de aposta das marcas portuguesas: Engineered Parts and Solutions, Energy Solutions e Digital Ecosystems, o que para Marco Siebert, diretor de Relações Internacionais da Hannover Messe, contribui para dar uma maior visibilidade a nomes nacionais, nos campos da inovação e tecnologia dentro do mercado alemão.

Miguel Leichsenring-Franco, presidente da CCILA - Câmara de Comércio e Indústria Luso-Alemã, acredita que Portugal foi escolhido para parceiro da Hannover Messe por ter uma boa preparação industrial e apresentar-se como um dos países que mais tem a ganhar com a reindustrialização da Europa no pós-pandemia. O responsável anunciou ainda a realização de mais encontros de preparação de Portugal no evento de referência, a começar a 1 de julho até aos finais de outubro, no Porto e em Aveiro, onde serão discutidas as expectativas dos compradores e clientes alvo alemães.

As inscrições para a grande feira Hannover Messe ainda estão abertas para que mais empresas portuguesas se candidatem - "uma oportunidade de ouro", afirma Mafalda Gramaxo, diretora-geral da AIMMAP (Associação dos Industriais Metalúrgicos e Metalomecânicos e Afins de Portugal).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de