Bolsa

A fasquia está alta para os resultados das empresas do PSI20

Bolsa de Lisboa
Bolsa de Lisboa

As exportadoras e a Sonae poderão surpreender pela positiva. Resultados da EDP e do BCP também estarão em foco.

É uma espécie de prova dos nove para algumas cotadas portuguesas. A época de apresentação de contas do terceiro trimestre acelera nos próximos dias, com Galp, EDP e CTT a anunciarem os resultados. E a fasquia está elevada, já que o mercado espera que continuem a mostrar um crescimento dos lucros, uma expectativa que tem permitido à bolsa portuguesa valorizar – sobe 16% em 2017.

Agora é altura de mostrar que a evolução da atividade merece essa confiança dos investidores. “Tendo em conta o ciclo económico, os investidores continuam à espera de um comportamento favorável dos resultados das cotadas”, refere Albino Oliveira, analista da Patris Investimentos.

Salvador Alves, analista da Orey iTrade, explica que as condições da economia são favoráveis para que os resultados das empresas cresçam. “O sentimento à volta das economias da zona euro e do mundo empresarial tem sido positivo”, realça. E em relação a Portugal destaca o regresso do rating do Estado a grau de investimento junto da S&P, o que acaba por ser “também refletido no mundo empresarial nacional, com significativa melhoria das condições de financiamento”.

As exportadoras e a Sonae
A época de resultados é promissora para cotadas que vendem lá fora devido à recuperação económica global. “As empresas exportadoras têm crescido a ritmo acelerado beneficiando destas condições favoráveis”, diz Salvador Alves. Já Albino Oliveira destaca a Altri, que pode beneficiar dos aumentos do preço do papel.

Outra das potenciais ganhadoras é, segundo o analista, a Galp, que ainda ontem venceu a licitação numa área-chave de petróleo do pré-sal do Brasil e que já mostrou indícios positivos nos dados de atividade que têm revelado. A petrolífera mostra resultados na segunda-feira. “Do lado negativo, a atenção deverá estar na EDP, tendo já sido visível igualmente pelos sinais fornecidos pelo seu trading update”, que mostra a evolução da atividade. A elétrica apresenta contas na quinta-feira.
Expectativa com BCP e CTT

O BCP e os CTT são outras cotadas que têm um exame importante. “A época de resultados poderá também ser importante para o BCP, depois da forte subida na cotação”, observa Albino Oliveira. As ações do banco ganham mais de 35% neste ano. Em sentido contrário estão os CTT. Albino Oliveira destaca que a reação aos resultados do trimestre anterior foi negativa. E a empresa terá de mostrar melhorias para compensar a pressão de que as ações foram alvo e que lhe levaram mais de 20% do valor neste ano. A empresa de correios divulga resultados na quinta-feira, o BCP apenas a 13 de novembro.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
(Leonardo Negrão / Global Imagens)

Estado já concedeu quase 20 mil milhões à banca

Isabel dos Santos

Isabel dos Santos nega processo a Presidente angolano

( Pedro Rocha / Global Imagens )

Défice atinge 1,9% até junho. Meta do governo é de 0,7%

Outros conteúdos GMG
A fasquia está alta para os resultados das empresas do PSI20