Ryanair

A partir de hoje, se viajar na Ryanair terá de pagar pela bagagem de mão

Fotografia: JOSE COELHO/LUSA
Fotografia: JOSE COELHO/LUSA

A bagagem de cabine vai ter um custo entre seis e oito euros.

A partir desta quinta-feira, os passageiros que viajem pela Ryanair vão ter de pagar pela bagagem de cabine. A companhia aérea de baixo custo vai passar a cobrar entre seis e oito euros pelas malas de dimensões 50x40x20, segundo avança o El País, esta quinta-feira. Gratuitamente, os passageiros vão poder levar apenas uma mala pequena de dia-a-dia.

A medida funcionará como uma nova fonte de rendimento para a companhia aérea, apesar de a empresa apontar que o objetivo será acelerar o embarque e desembarque para evitar atrasos.

Os passageiros que tenham contratado o embarque prioritário, que custa seis euros, poderão levar a mala até o avião junto com a bolsa ou a pasta pequena. Aqueles que não tiverem contratado esta classe terão que pagar oito euros pela mala e despachá-la nos balcões da Ryanair antes de passar pelo controle de segurança do aeroporto.

No início de setembro, a companhia aérea anunciou que iria dispensar o pagamento desta bagagem a passageiros que tenham comprado os bilhetes até 31 de agosto.

Nas restantes companhias aéreas de baixo custo, esta opção de bagagem mantém-se gratuita.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
fitch rating dívida riscos políticos

Taxa de juro da nova dívida cai para mínimo histórico de 1,8% em 2018

Fotografia: REUTERS/ Carlos Barria

China põe marcas de luxo a bater recordes

notas

Crédito cresce nas famílias mas ainda encolhe nas empresas

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
A partir de hoje, se viajar na Ryanair terá de pagar pela bagagem de mão