Ryanair

A partir de hoje, se viajar na Ryanair terá de pagar pela bagagem de mão

Fotografia: JOSE COELHO/LUSA
Fotografia: JOSE COELHO/LUSA

A bagagem de cabine vai ter um custo entre seis e oito euros.

A partir desta quinta-feira, os passageiros que viajem pela Ryanair vão ter de pagar pela bagagem de cabine. A companhia aérea de baixo custo vai passar a cobrar entre seis e oito euros pelas malas de dimensões 50x40x20, segundo avança o El País, esta quinta-feira. Gratuitamente, os passageiros vão poder levar apenas uma mala pequena de dia-a-dia.

A medida funcionará como uma nova fonte de rendimento para a companhia aérea, apesar de a empresa apontar que o objetivo será acelerar o embarque e desembarque para evitar atrasos.

Os passageiros que tenham contratado o embarque prioritário, que custa seis euros, poderão levar a mala até o avião junto com a bolsa ou a pasta pequena. Aqueles que não tiverem contratado esta classe terão que pagar oito euros pela mala e despachá-la nos balcões da Ryanair antes de passar pelo controle de segurança do aeroporto.

No início de setembro, a companhia aérea anunciou que iria dispensar o pagamento desta bagagem a passageiros que tenham comprado os bilhetes até 31 de agosto.

Nas restantes companhias aéreas de baixo custo, esta opção de bagagem mantém-se gratuita.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O presidente do Conselho Geral e de Supervisão da ADSE, João Proença, durante a sua audição na Comissão de Saúde, na Assembleia da República, em Lisboa, 27 de fevereiro de 2019. MÁRIO CRUZ/LUSA

ADSE já enviou novas tabelas de preços aos privados para negociação

Mario Draghi, Presidente do Banco Central Europeu. REUTERS/Kai Pfaffenbach

BCE discutiu pacote de medidas para estimular economia na reunião de julho

Hotéis de Lisboa esgotaram

“Grandes” eventos impulsionaram aumento dos preços na hotelaria em junho

Outros conteúdos GMG
A partir de hoje, se viajar na Ryanair terá de pagar pela bagagem de mão