Empresas

Accenture eleita a empresa mais inclusiva do mundo

22Accenture

Índice Diversidade e Inclusão da Refinitiv identifica as 100 empresas cotadas em bolsa com os ambientes de trabalho mais diversos e inclusivos.

A Accenture foi distinguida como a empresa mais diversa e inclusiva do mundo no Índice Diversidade e Inclusão da Refinitiv, pelo segundo ano consecutivo. O índice identifica as 100 empresas cotadas em bolsa com os ambientes de trabalho mais diversos e inclusivos.

“Construir uma cultura de igualdade onde todos podem progredir é a chave para quem somos enquanto empresa”, afirma Julie Sweet, CEO da Accenture, em nota de imprensa. “Valorizamos os backgrounds, capacidades e experiências únicas de cada colaborador e responsabilizamo-nos pelo progresso feito face aos grandes objetivos a que nos propomos. Abraçar a inclusão e a diversidade é uma das coisas que torna a Accenture tão especial. Sentimo-nos honrados por ver o nosso compromisso ser reconhecido novamente.”

A distinção da empresa teve por base iniciativas como a criação de um conselho de administração diverso, o aumento da igualdade no local de trabalho, o investimento no talento e a promoção de um diálogo global.

Leia também: “Numa cultura de igualdade há muito menos receio de falhar”, defende a gender lead da Accenture em Portugal

“É para nós um orgulho que o índice de diversidade e inclusão continue a funcionar como um condutor para os investidores e analistas que procuram empresas que estão a fazer isto corretamente e ajudá-los a tomar decisões de investimento que estejam alinhadas com os seus valores e resultados”, salientou Debra Walton, Chief Revenue Officer da Refinitiv.

A Accenture tem recebido várias distinções enquanto empregador de eleição e líder na igualdade no local de trabalho.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
(PAULO CUNHA/LUSA)

Costa espera ser primeiro-ministro 12 anos e dar início à regionalização

O novo primeiro-ministro, António Costa. ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

OE2020: Costa anuncia reforço de incentivos ao arrendamento acessível

Alexandra Leitão, ministra da Administração Pública. Fotografia: António Pedro Santos/Lusa

Funcionários mais antigos podem perder dias de férias com baixas prolongadas

Outros conteúdos GMG
Accenture eleita a empresa mais inclusiva do mundo