Recursos Humanos

AHRESP promove curso de gestão de alojamento local

Fotografia: Artur Machado/Global Imagens.
Fotografia: Artur Machado/Global Imagens.

A próxima sessão tem lugar na segunda quinzena de janeiro, na sede da AHRESP, em Lisboa.

A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) irá promover um curso de gestão de alojamento local (AL), no âmbito do programa Quality, com o objetivo de capacitar os gestores e empresários do turismo em diversos locais do país. A próxima sessão tem lugar na segunda quinzena de janeiro, na sede da associação, em Lisboa.

“Com este curso, a AHRESP pretende contribuir para aperfeiçoar as competências dos profissionais do setor e potenciar o seu desempenho no seu dia a dia. O negócio de AL registou uma enorme evolução nos últimos anos, estando a contribuir decisivamente para a transformação do turismo nacional”, refere a secretária geral da AHRESP, citada em comunicado.

Segundo Ana Jacinto, “existem atualmente mais de 78 mil registos de AL em todo o país e muitas unidades surgiram pelo espírito empreendedor dos seus proprietários, muitos deles sem qualquer conhecimento sobre o setor, pelo que importa criar um espaço de aprendizagem e conhecimento sobre as estruturas de funcionamento no âmbito legal, jurídico e fiscal, operacional e tecnológico”.

A formação atribui conhecimentos em diversas áreas, tais como “promoção do produto de alojamento local”, “regime legal do alojamento local”, “gestão de operações”, “tecnologias aplicadas ao alojamento”, entre outras.

“Recordo que o programa QUALITY tem como missão responder em tempo útil à dinâmica de crescimento do investimento no subsetor do AL, por forma a garantir os padrões de qualidade exigidos a estas novas formas de alojamento e contribuir para o esforço nacional de promoção e projeção internacional do destino Portugal”, conclui a responsável”, acrescentou Ana Jacinto.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Fiadores tendem a ser idosos

Pensões sobem em janeiro entre 0,8% e 1,5%, com mínimo de 6 euros

Fotografia: Miguel Pereira/Global Imagens

Valor máximo do subsídio de desemprego sobe 16 euros em 2019

José Neves, CEO da Farfetch. Fotografia:  REUTERS/Toby Melville

Farfetch compra empresa de calçado desportivo por 250 milhões

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
AHRESP promove curso de gestão de alojamento local