Telecomunicações

Altice sobre compra TVI. “Estado perdeu 200 milhões num ano”

Alexandre Fonseca, presidente da Altice Portugal (Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)
Alexandre Fonseca, presidente da Altice Portugal (Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Alexandre Fonseca, CEO da Altice, comenta a compra da TVI pela Cofina, o grupo dono da CMTV

A Altice está a acompanhar a venda da Media Capital à Cofina “com expectativa” mas lamenta que num ano haja uma “perda de valor de 200 milhões de euros para o Estado”, disse Alexandre Fonseca, CEO da dona do Meo, num encontro com jornalistas.

No final da semana passada foi notícia de que a venda do grupo dono da TVI seria feita por 225 milhões de euros, valor substancialmente abaixo da oferta de 440 milhões de euros feita pelo grupo dono do Meo, negócio que suscitou fortes preocupações na Autoridade da Concorrência (AdC), tendo acabado por não se concretizar.

“Estou a acompanhar com expectativa até porque há perda de valor de 200 milhões para o Estado num ano”, disse o gestor. “Como português fico triste, porque por causa da AdC, a economia perdeu 200 milhões, e ainda hoje estou à espera do relatório da AdC sobre este assunto”.

“Não somos um player ativo neste momento, mas estamos atentos a oportunidades na comunicação social”, disse Alexandre Fonseca, lembrando a vontade da operadora em retomar o projeto de produção de conteúdos desenhado aquando da tentativa de compra da Media Capital.

“Continuamos atentos a olhar para o sector dos media, mas estamos atentos sem estorvar. Ainda não desistimos da produção de conteúdos”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O ministro das Finanças, Mário Centeno. Fotografia: ANTÓNIO CARRAPATO/LUSA

Maior credor de Portugal:juros baixos são temporários em países com rating fraco

O ministro das Finanças, Mário Centeno. Fotografia: ANTÓNIO CARRAPATO/LUSA

Maior credor de Portugal:juros baixos são temporários em países com rating fraco

Abhijit Banerjee, Esther Duflo e Michael Kremer vencem Nobel da Economia

A grande eficácia das pequenas coisas

Outros conteúdos GMG
Altice sobre compra TVI. “Estado perdeu 200 milhões num ano”