Rebranding

Altice traz executivos de topo a Lisboa. Meo Arena muda de nome

pavilhao-multiusos

Grupo francês vai realizar encontro com 1500 convidados para anunciar novo passo na mudança de marca em Portugal e dar a conhecer “visão de futuro”

A Altice está a acelerar a mudança de marca da Meo e na segunda-feira vai anunciar perante 1500 parceiros e colaboradores e mais de uma centena de executivos de topo do grupo a nível mundial a mudança do nome do antigo pavilhão Atlântico para Altice Arena, apurou o Dinheiro Vivo. Contactada, a companhia não quis comentar esta informação.

O grupo fundado por Patrick Drahi anunciou em maio, em Nova Iorque, que iria unificar as diversas marcas do grupo, com presença em dez países, sob o mesmo nome: Altice. O primeiro passo foi dado logo na República Dominicana, onde o grupo operava com a marca Orange, mas Portugal e os restantes mercados teriam até o segundo trimestre de 2018 para fazer o rebranding das marcas. Desde então a comunicação da operadora tem surgido na rua com indicação da Meo, uma empresa detida pela Altice. O passo seguinte foi em setembro, quando as camisolas do FC Porto, clube que patrocinam, surgiram com a marca Altice, durante o jogo da fase de grupos da Liga dos Campeões contra o clube turco Besiktas.

Na estratégia levada a cabo de gradual de mudança de marca a opção tem sido dar prioridade a eventos de grande exposição mediática, como foi o caso da Champions. O próximo grande passo vai ser alterar o nome do Meo Arena, uma das maiores salas de espetáculos do país e que recebe eventos internacionais, para Altice Arena.

O anúncio será feito no próximo dia 16, no espaço de eventos no Parque das Nações, em Lisboa, perante mais de 1500 convidados. Parceiros corporativos, clientes empresariais, universidades, startups, parceiros tecnológicos e de conteúdos, mas também colaboradores da Altice/PT, foram convidados a estar presentes para “partilhar o nosso compromisso e a nossa visão de futuro”, segundo o convite endereçado pela empresa aos colaboradores a que o Dinheiro Vivo teve acesso.

O momento foi também o escolhido para a Altice receber em Lisboa o encontro anual da senior leadership team do grupo. Ao todo são 150 executivos de Portugal, Nova Iorque, Paris e Telavive, que vão reunir-se em Lisboa como objetivo de alinhar os quadros de topo nos principais mercados em que o grupo está presente.

Para amplificar este novo passo no rebranding da marca, está a ser preparada uma campanha de televisão e de publicidade exterior (mupis) para assinalar a mudança de nome para Altice Arena. Ainda em outubro, sabe o Dinheiro Vivo, a operadora deverá anunciar que vai participar na Web Summit, de que é parceiro tecnológico, com a marca Altice. Ao evento, que decorre de 6 a 9 de novembro em Lisboa, são esperados 60 mil participantes.

Até junho do próximo ano, a Altice terá ainda de definir de que modo o processo de rebranding será aplicado a outros eventos patrocinados pela Meo, com os festivais Meo Sudoeste e Meo Marés Vivas. Sapo, Moche (tarifário jovens) e Uzo (low cost) são as marcas que vão conviver com a Altice no mercado nacional, mas o tema ainda não está fechado internamente.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa. (Fotografia: RODRIGO ANTUNES/LUSA)

Marcelo pede ao Parlamento que clarifique se quer manter Governo em funções

Fotografia: Benoit Tessier/Reuters

ERC empurra decisão sobre compra da TVI para a AdC

Fernando Gonçalves lidera a lista vencedora das eleições para a Comissão de Trabalhadores da Autoeuropa. Fotografia: Orlando Almeida / Global Imagens

Autoeuropa: Fernando Gonçalves é o novo coordenador da comissão de trabalhadores

Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
Altice traz executivos de topo a Lisboa. Meo Arena muda de nome