Amazon

Amazon lança-se na venda de produtos frescos em Madrid

A empresa de comércio eletrónico Amazon iniciou às 0:00 de hoje em Espanha, a venda de produtos frescos com entrega em uma hora.

A empresa de comércio eletrónico Amazon, conhecida principalmente pela venda de livros, discos e vídeos, iniciou às 0:00 de hoje em Espanha, a venda de produtos frescos com entrega em uma hora, um serviço que estará disponível apenas em Madrid.

A empresa transnacional com sede em Seattle, capital do estado norte-americano de Washington, que já vendia alimentos não perecíveis na sua aplicação espanhola na internet, entra em concorrência com as grandes cadeias de supermercado.

O gigante espanhol também presente em Portugal El Corte Inglés desde há alguns meses faz entregas ao domicílio em 27 cidades de Espanha de produtos frescos num prazo de duas horas através de uma plataforma na internet.

A Amazon prestava este tipo de serviços até agora nos Estados Unidos e nas cidades de Milão (Itália), Londres (Reino Unido), Berlim (Alemanha), Paris (França) e Tóquio (Japão), segundo dados da empresa.

Por cada entrega no prazo de uma hora irá cobrar 5,90 euros, enquanto que as realizadas num prazo de duas horas ou numa faixa horária escolhida não terão custo adicional.

A distribuição dos produtos frescos será feita em bicicletas ou carros elétricos e o cliente pode aceder ao serviço através de uma aplicação específica.

A Amazon foi uma das primeiras empresas do mundo a lançar-se na venda de produtos através da internet em 1995.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
António Costa Silva partex

Costa Silva. Um astronauta ao contrário para remexer a fundo no país?

TIAGO PETINGA/LUSA

António Mexia recusou responder ao juiz Carlos Alexandre no caso EDP

Pedro Siza Vieira, ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital,. Foografia: Manuel de Almeida / LUSA

Siza Vieira. Há 46 mil empresas com pedidos de lay-off renovados

Amazon lança-se na venda de produtos frescos em Madrid