10 profissões mais bem pagas em Portugal

A consultora de Recursos Humanos Manpower fez um levantamento das profissões mais bem pagas em Portugal. Salários vão até 150 mil euros por ano.

Dinheiro Vivo
Saiba quais as 10 profissões mais bem pagas em Portugal (Imagem de arquivo)

O mundo do trabalho tem vindo a mudar, assim como os perfis mais procurados pelas empresas. Atualmente, privilegia-se funções ligadas às novas tecnologias e à digitalização, mas também a área da saúde ganhou um novo destaque.

Num país onde onde o salário médio bruto - incluindo subsídios variáveis - alcançou em junho os 1395 euros, fomos procurar saber quais são as profissões com os salários mais elevados.

Segundo um levantamento fornecido pelo ManpowerGroup ao Dinheiro Vivo, estas são as 10 profissões mais bem pagas em Portugal.

Diretor-Geral área da Saúde | 120.000-150.000€/ano

A pandemia fez aumentar a procura de profissionais na área da saúde como médicos e enfermeiros. Mas além destes, são também cada vez mais procurados profissionais altamente qualificados. Estes perfis devem ter as soft skills necessárias para dirigirem as instituições deste setor, demonstrando, entre outras, capacidade de liderança e de coordenação de equipas.

CIO | 95.000-120.000€/ano

Entre as várias funções, um Chief Information Officer (CIO) faz a ligação entre a direção da empresa e a equipa de colaboradores da área da informática. Por esse motivo, além de formação em Tecnologia da Informação, precisa de ter também conhecimentos de estratégia, liderança e gestão, o que torna esta uma função muito especializada.

Diretor de Centro de Serviços Partilhados | 90.000-110.000€/ano

O modelo de Centro de Serviços Partilhados tem vindo, nos últimos anos, a ser cada vez mais adotado em Portugal. É uma opção escolhida por grandes grupos económicos nacionais e internacionais, sendo uma tendência que vem aumentar a procura por perfis que os possam dirigir, uma posição emergente que exige soft skills e hard skills muito particulares.

SAP Consultant | + 50.000€/ano

O consultor de SAP (software de gestão de empresas) que tem como principal função gerir e adaptar este software SAP às necessidades específicas das empresas.

E-Commerce Manager | 50.000 - 75.000€/ano

O E-Commerce Manager tem como objetivo obter o melhor ROI (retorno sobre o investimento) possível dentro de uma organização, definindo ainda a estratégia de negócio da empresa para os canais digitais. Apesar de já ser uma profissão com muita procura, devido ao crescimento do comércio eletrónio, os desafios da atual pandemia vieram potenciar ainda mais a procura por estes profissionais.

Software Engineer | + 45.000€/ano

É uma profissão com elevadas exigências a nível de competências, uma vez que é necessário conhecimento aprofundado em linguagens de programação, desenvolvimento de software e sistemas operativos informáticos. A tendência do mercado de trabalho atual é que este continue a ser uma função muito procurada, devido à crescente dependência da tecnologia, mas também da crescente complexidade das indústrias emergentes.

Cibersecurity Specialist | 45.000-60.000€/ano

A pandemia acelerou a adoção de modelos de trabalho remoto e BYOD (política adotada pelas empresas que permite os colaboradores de utilizarem os seus próprios dispositivos para aceder a dados e informações da organização no seu local de trabalho) e, com isso, aumentou também o risco a que as empresas estão atualmente expostas. O número de ataques informáticos aumentou de forma significativa em 2020 e as empresas necessitam de implementar estratégias e sistemas que reforcem a segurança dos seus dados. Assim, nos últimos meses assistimos a um aumento importante na procura por especialistas em cibersegurança, ainda pouco disponíveis no mercado de trabalho, com o consequente crescimento acelerado do seu salário.

Machine Learning Specialist | + 40.000€/ano

A Machine Learning é um ramo da inteligência artificial que se centra no desenvolvimento de programas, que podem aceder aos dados e utilizá-los para aprender por si próprios, sem serem programados para o fazer. Alguns dos mercados que mais utilizam Machine Learning, hoje em dia, são serviços online, marketing e serviços financeiros, mas existe potencial para todas as indústrias. Desta forma, estes são, hoje, perfis muito procurados.

Big Data specialist | 35.000-50.000€/ano

As empresas têm vindo a procurar cada vez mais perfis especializados em Big Data, sendo que a previsão é que essa tendência se mantenha. Existem diversos cargos ligados a estas áreas, mas um dos mais procurados é o de analista de Big Data. Os conhecimentos em programação e análise são também de extrema importância para esta profissão.

Digital Marketeer | 35.000- 45.000/ano

A especialização é uma das grandes tendências do mercado laboral e a área do Marketing não é exceção, com perfis profissionais a evoluírem para funções dedicadas a nichos e assistindo-se a um leve decréscimo dos perfis generalistas. Nesse sentido, a tendência é que cada vez mais profissionais se especializem em Marketing Digital, de forma a tirar proveito da crescente procura. Algumas das funções do Digital Marketeer incluem a gestão e otimização dos canais digitais da empresa, mas também criar, saber planear e analisar resultados das campanhas de marketing digital.

Leia também: Flexibilidade no trabalho não soma no salário, mas é arma para atrair e reter talento

<strong>Outras profissões bem remuneradas</strong>

Existem outras funções técnicas, altamente especializadas, com competências muito valorizadas no mercado, mas para as quais existe pouca oferta de talento, devido à necessidade de formação e anos de experiência comprovada. Assim, têm também salários atrativos as seguintes profissões:

1. Estivadores: 3.000€ a 3.500€/ mês => 42.000€ a 49.000€/ano

2. Modelador têxtil: 2.500€ a 3.000€/ mês => 35.000€ 42.000€/ano

3. Ferramenteiro: 2.500€ a 3.000€/ mês => 35.000€ a 42.000€/ano

4. Tubista: 2.000€ a 3.000€/ mês => 35.000€ a 42.000€/ano

5. Afinador de Máquinas de Injeção: 1.600€ a 3.000€ /mês => 22,400€ a 42.000€/ano

6. Sushiman: 2.000€ a 2.500€/ mês => 28.000 35.000€/ano

7. Técnico de instalação e reparação de elevadores: 1.800€ a 2.300€/mês => 25.200€ a 27.600€/ano

8. Instalador de sistemas solares e eólicos: 1.800€ a 2.000€/mês => 25,200 a 28.000€/ano

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG