Stellantis de Mangualde contrata 90 para reforçar turno da noite

Fábrica portuguesa da aliança Stellantis passará a funcionar seis noites por semana a partir de maio para responder a aumento de procura.

Diogo Ferreira Nunes
Fábrica da PSA Mangualde é a segunda maior de Portugal. (João Silva / Global Imagens )

A fábrica em Portugal da aliança Stellantis vai ter mais pessoas a partir de maio. A unidade de produção automóvel do grupo liderado por Carlos Tavares passará a funcionar seis noites por semana. Para isso, vai contratar 90 funcionários ao longo das próximas semanas, segundo anúncio desta quarta-feira.

"A confirmar o sucesso dos veículos comerciais ligeiros da Stellantis - Peugeot Partner, Citroën Berlingo e Opel Combo - o Centro de Mangualde irá implementar, a partir do mês de maio, mais um turno de produção que irá operar uma vez por semana e permitirá a este Centro aproximar-se da sua capacidade produtiva máxima para responder à procura crescente daqueles modelos líderes no mercado europeu", refere a empresa em comunicado de imprensa.

O novo turno de produção irá funcionar com os operários do período noturno em sistema de rotatividade para garantir que a semana de trabalho terá cinco dias, entendeu o Dinheiro Vivo junto de fonte oficial.

O processo de recrutamento vai iniciar-se em fevereiro e estará "aberto a todos os candidatos que apreciem a indústria automóvel e queiram fazer parte deste projeto".

Concluído o reforço da equipa, a fábrica da Stellantis em Mangualde passará a contar com 990 operários.

O crescimento da força de trabalho surge depois dos problemas dos últimos dois anos: em 2020, a pandemia obrigou ao encerramento da fábrica entre março e o início de maio; em 2021, a falta de semicondutores condicionou a produção e levou à implementação do lay-off, com consequente redução da linha de montagem.

Atualmente, a fábrica de Mangualde funciona com três turnos de segunda a sexta, produzindo 350 unidades por dia. A partir de maio, haverá um turno adicional na noite de domingo para segunda.

Em 2021, a Stellantis aumentou a produção em 4,9%, para 67 838 unidades. Foi o segundo melhor ano de sempre para a fábrica portuguesa da aliança liderada por Carlos Tavares.

Mais Notícias

Veja Também

Outros Conteúdos GMG