Tesla multiplica lucro por dez no segundo trimestre

Sinalizando não estar imune à escassez de chips e outros componentes que afeta os seus rivais, a empresa revelou que vai atrasar o lançamento de um veículo pesado para o próximo ano.

Dinheiro Vivo/Lusa

O lucro trimestral da Tesla atingiu pela primeira vez USD 1.100 milhões de dólares (932 milhões de euros), 10 vezes o registado no período homólogo pela fabricante norte-americana de automóveis elétricos.

Os resultados apresentados na noite de segunda-feira indicam que, no período de abril a junho, a empresa de Palo Alto, Califórnia, viu as receitas duplicar para cerca de 12 mil milhões de dólares (10,12 mil milhões de euros), graças a um nível recorde de produção.

No último trimestre, a Tesla entregou mais de 206.000 veículos, um novo máximo, enquanto se prepara para lançar à sua linha no final deste ano outro veículo utilitário desportivo, o Modelo Y.

A Tesla tem agora um valor de mercado de cerca de 630 mil milhões de dólares (534 mil milhões de euros), 14 vezes mais do que há apenas dois anos.

Enquanto outras grandes fabricantes automóveis tiveram que reduzir drasticamente a produção durante o primeiro semestre, devido à falta de semicondutores (chips) a Tesla foi até agora capaz de garantir um fornecimento adequado.

Mas, sinalizando não estar imune à escassez de chips e outros componentes que afeta os seus rivais, a empresa revelou que vai atrasar o lançamento de um veículo pesado para o próximo ano.

A Tesla também alertou que a disponibilidade de peças determinará se será capaz de manter o ritmo de produção do primeiro semestre e de alcançar a meta de fabricar acima de 800.000 veículos este ano, mais 300.000 do que no ano passado.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG